Marco Maciel tem depressão e Alzheimer, revela jornal carioca

O jornal “O Globo” deste domingo (27) publica uma extensa reportagem sobre o estado de saúde do ex-senador Marco Maciel, algo que a própria imprensa pernambucana sempre tratou com a mais absoluta discrição. Título: “O ocaso de um articulador político”.
Segundo o jornal, Maciel é o único ex-vice-presidente da República vivo, mas, sofrendo do Mal de Alzheimer, está completamente alheio aos acontecimentos políticos do Brasil.
“Enquanto o noticiário da televisão atualiza a situação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff e as supostas manobras do vice Michel Temer para ocupar seu posto, Maciel cerra os olhos em frente à TV e não expressa qualquer opinião”, diz o jornal carioca, acrescentando que, “aos 75 anos, o mal de Alzheimer, doença que provoca perda de memória, retirou-lhe a vida social, o entendimento político, o interesse pelos assuntos públicos”.
Segundo a mulher, Ana Maria, ele não se lembra mais de nada. O casal vive em Brasília para ficar mais perto dos filhos, que residem lá e no Estado de Goiás.
De acordo ainda com o jornal, a importância do político pernambucano para o governo do presidente FHC pode ser avaliada pela quantidade de menções que o ex-presidente faz a ele no seu recém lançado “Diálogos da Presidência” – Volume I: 122.
Em 44 anos de vida pública, Marco Maciel nunca tinha perdido uma eleição. Foi derrotado em 2010 quando tentava a reeleição para o Senado. A partir daí, segundo seus familiares, começou a apresentar um comportamento estranho, que, soube-se depois, era depressão seguida de Alzheimer.

Share/Bookmark

0 comentários: