Trotes prejudicam serviços do Corpo de Bombeiros de Afogados da Ingazeira

O Posto Avançado do Corpo de Bombeiros de Afogados da Ingazeira enfrenta diariamente um grande problema. As ligações falsas avisando sobre tipos de ocorrências, as quais atrapalham e prejudicam o serviço prestado pelos bombeiros, além de congestionar as linhas impedindo que outras pessoas acionem o grupamento para uma verdadeira ocorrência.
Os bombeiros que trabalham na sala de operações são treinados e possuem experiência para identificar quando se trata de um trote ou não, mas as vezes as ligações são tão reais, que o socorro e deslocado até o local da falsa chamada.
O Posto Avançado recebe ligações praticamente todos os dias para socorro de vítimas, sendo que dentre elas sempre existem trotes. Durante o ano de 2015 por exemplo, o Posto Avançado recebeu 64 ligações sem atuação e ou trotes.
Enquanto as viaturas são deslocadas para atender uma falsa ocorrência, pessoas que realmente estão precisando, são prejudicadas. Os telefones do Destacamento possuem bina, dispositivo que identifica o número da chamada, e além disso, gravam a chamada, o que pode servir de ajuda para identificar as pessoas que fazem este tipo de brincadeira.
Segundo o Artigo 266 do Código Penal apresenta o seguinte: “Interromper ou perturbar o serviço telefônico” é crime e o infrator poderá incorrer em pena de detenção de um a seis meses ou multa; e o presente artigo se enquadra em qualquer caso e vítima.
Antes de passar trote para os bombeiros, pare e pense. Você vai estar atrapalhando o serviço de homens que trabalham 24h por dia para salvar vidas e arriscando as suas próprias vidas, além de prejudicar quem realmente estiver precisando deles. (Itamar França)

Share/Bookmark

0 comentários: