A incrível tribo canibal que constrói edifícios nas árvores

A sudeste da Indonésia, nas profundezas de uma selva inacessível na província de Papua, vivem os Korowai, considerada a última tribo canibal do mundo.
No entanto, não é essa a sua característica principal: a pequena sociedade formada por eles está totalmente alojada na copa das árvores mais altas.
Praticamente isolados do mundo, até serem encontrados por um missionário holandês, em 1974, a tribo Korowai, um grupo de caçadores-coletores, vive em casas construídas sobre árvores de alturas que variam entre 6 e 12 metros, apesar de existirem algumas que ultrapassam os 35 metros.
As casas são estruturadas em uma única árvore, embora, algumas vezes, eles utilizem mais de uma, com o apoio adicional de postes de madeira. Esse sistema de construção protege as famílias não apenas dos insetos, especialmente mosquitos, mas também de vizinhos incômodos e dos maus espíritos.
O método de construção é quase sempre igual: é escolhida uma figueira, que funciona como coluna vertebral, e cuja copa é totalmente podada. Aí, então, é iniciada a confecção do chão da casa, com os ramos obtidos durante a poda e com a adição de uma camada de palmas de sagu.
O teto e as paredes são feitos com as mesmas folhas, enquanto que a estrutura interna da casa é composta de ramas amarradas com vime. Os pisos são extremamente resistentes, para conseguir suportar o peso das 12 pessoas que costumam conviver no recinto. A escada de acesso é especialmente projetada para tremer a cada passo, de modo que os moradores sejam advertidos diante da chegada de qualquer visitante.

Share/Bookmark

0 comentários: