Coordenador nacional do DNOCS diz que Adutora do Pajeú e Barragem da Ingazeira não terão paralisações

Por Marcelo Patriota
O Superintendente do DNOCS em Pernambuco Emílio Duarte, visitou o Sertão do Pajeú e dessa vez trouxe para conhecer as DUAS obras de maior investimento que o DEPARTAMENTO DE OBRAS CONTRA A SECA está fazendo em Pernambuco, o diretor/Coordenador Nacional do DNOCS, Dr. Walter Gomes de Souza, que esteve pela 1ª vez no Pajeú relatou ao blog que ficou impressionado com o ritmo das obras.
A agenda do Superintendente e do Diretor foi de visitas a Ingazeira e S. J. do Egito.
Em Ingazeira onde está sendo construída a 2ª obra, a Barragem que atenderá além da cidade Mãe do Pajeú (Ingazeira) beneficiará Tabira, São José do Egito e Tuparetama, Dr. Emílio Duarte e Dr. Walter Souza em entrevista a Gazeta-FM aos comunicadores Carlos Jr. e Erbi Andrade onde prometeu que o Ministério da Integração disponibilizará R$ 2 milhões de reais mensais para que a obra não sofra interrupção até dezembro desse ano, 2016, quando a barragem deverá estar concluída.
Ainda na entrevista na Gazeta-FM ,ao lado do Prefeito Romério Guimarães-S. J. Egito,o diretor estadual do DNOCS Emílio Duarte foi na Barragem da Ingazeira para supervisionar a obra e tratar das indenizações ainda pendentes. Dr. Emilio volta disse ao blog, que todas as indenizações foram quitadas hoje, cerca de 250 Mil Reais, por tanto não há mais pendências e debito nas indenizações, o Governo federal quitou tudo. Frisou o diretor.
Sobre Barragem de Cachoeirinha/Ingazeira o diretor disse ainda que obra não sofreu por nenhuma paralisação, a obra agora se não caminha a todo vapor, esta em ritmo continuo, com homens e máquinas trabalhando, e se considerarmos a obra como todo, desde o projeto inicial passando pelas indenizações, chegando para a fase da obra hoje, podemos dizer que a barragem está com 70% de sua obra concluída e com previsão de sua inauguração no final de 2016 e/ou meados de 2017.
A obra orçada em 34 milhões de reais, dinheiro já empenhado e sendo liberado por parcelas. A obra recebe cerca de 2 milhões, chega todos os meses. As carretas carregadas de cimento trabalham diariamente e cerca de 60 toneladas por dia concreto são preparados na usina no canteiro de obras. São necessários cerca de 300 mil litros de água para desmanchar essa quantidade de concreto, água essa retiradas de alguns poços tubulares perfurados exclusivamente para obra. Ainda sobre Cachoeirinha Ingazeira disse Dr. Walter, estamos há 8 meses sem atraso de repasse de pagamentos e repetindo com aporte de 2 milhões mensais para essa obra importantíssima para a região, e digo não há obra cara quando se fala em água, água cara é quando não se tem.

ADUTORA DO PAJEÚ
Adutora do Pajeú/Terminado a etapa Afogados /Riacho do Meio/S. J. Egito , teve inicio o Ramal São Jose do Egito/Ambó/Itapetim, são cerca de 18 Km, perguntado pelo blog se pode dizer de prazo pra entrega para esta etapa da obra, Emílio Duarte não falou em data, mas pelo tempo de trabalho Afogados/S.J.Egito, tem-se uma perspectiva de aproximadamente 7 meses.
Sobre etapa Ambó/Brejinho (Terra Mãe do Rio Pajeú), deverá ser feito uma ramal do Ambó/Brejinho, 6 KM, com uma tubulação complementar, assim como foi feito Riacho do Meio/Tuparetama.
Sobre ramal Riacho do Meio/Tigre Stª Terezinha, o Diretor do Dnocs não confirmou a etapa, mas disse que iria levar a demanda ao Ministro de Estado da Integração Nacional Gilberto Magalhães Occhi.
Sobre a Estação Elevatória, uma ótima notícia, o terreno foi doado para a construção pelo Empresário Evaldo Campos, sem nenhum ônus para o estado e com isso será antecipado para o dia 4 de março o início da construção da Elevatória, ganhando com isso cerca de 3 meses de antecipação, pois precisaria esse tempo, se fosse feito uma indenização de um terreno.
Em contato com o Blog um dos diretores da MRM, disseram que pretende avançar cerca de 3,6 Km por mês de tubulação em sentido Ambó/Itapetim. A obra está com a tubulação sendo colocada desde a ETA-Compesa S.J.Egito cortando os bairros: São João, Borja e Planalto.

Share/Bookmark

0 comentários: