GRUPO FOI PRESO SUSPEITO DE ROUBAR E CLONAR 30 VEÍCULOS NO SERTÃO DE PERNAMBUCO

 
Três homens foram presos nesta sexta-feira (19) suspeitos de roubo, furto e clonagem de veículos no sítio Ladeira Dantas em São José do Egito, no Sertão de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, a “Operação Mercúrio” desarticulou um grupo suspeito de roubar e furtar pelo menos 30 veículos, que depois eram adulterados em Caruaru e Santa Cruz do Capibaribe, conforme explicou o delegado Ubiratan Rocha.
A polícia investiga a relação dos três criminosos com um duplo homicídio que aconteceu no município em 12 de fevereiro deste ano – dois homens foram mortos enquanto desmontavam uma motocicleta.
Segundo a Polícia Civil, alguns roubos e furtos de veículos também aconteceram em São José do Egito e região. Segundo ele, os carros e motos não eram vendidos apenas em Pernambuco, mas também na Paraíba.
O delegado Ubiratan Rocha Fernandes disse que na casa dos suspeitos – que não tiveram as idades divulgadas – foram encontrados três carros e cinco motos clonados, munições, R$ 600, uma espingarda calibre 12 e cédulas falsas de cruzeiro. Segundo ele, além das placas os automóveis estavam também com os chassis adulterados. Fernandes disse ao G1 que um dos suspeitos contou que passou por três bloqueios policiais com um dos veículos e os policiais não notaram as irregularidades.

Os criminosos foram presos e serão encaminhados para a Cadeia de São José do Egito. Eles devem responder pelos crimes de receptação, formação de quadrilha, falsidade material e adulteração de veículo automotor.
Operação Mercúrio
O delegado explicou que o nome da operação é uma referência ao deus Mercúrio – da mitologia grega. “Colocamos esse nome porque Mercúrio era o deus que repassava mercadoria. Uma referência ao escambo de Santa Cruz do Capibaribe para São José do Egito, realizado pela quadrilha”, afirmou. Na operação participaram agentes da Polícia Civil, da 3ª Companhia do 23º Batalhão da Polícia Militar e do Batalhão de Policiamento do Interior (Bepi). (G1 PE)

Share/Bookmark

0 comentários: