1º Fórum de Enfrentamento ao Aedes Aegypti aconteceu nesta sexta em Iguaracy

O Governo Municipal de Iguaracy, através da Secretaria de Saúde, realizou na manhã desta sexta-feira (11) o 1º Fórum de Enfrentamento ao Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya. O evento que teve como tema central “Não deixe o mosquito nascer, a próxima vítima pode ser você”, aconteceu na Praça Antônio Rabelo e contou com a participação de autoridades, servidores municipais, alunos e demais pessoas da comunidade.
O objetivo foi de apresentar o resultado da proposta de trabalho executada durante a semana, de 07 a 11 de março, no Município. Foram ações voltadas ao controle e redução dos riscos epidemiológicos e ambientais em saúde.

Participaram: o prefeito Francisco Dessoles, Laura Véras (Sec. De Saúde), Williams Siqueira (Sec. De Educação), Socorro Martins (Sec. De Desenvolvimento), Mário Gonçalves (Sec. de Agricultura), Odete Soares Pereira (Presidente da Câmara de Vereadores), Dr. João Véras (Médico Clínico Geral – UBS SEDE), Isabel Pires (Coord. De Vigilância em Saúde), Manoel Brás (Coord. De Vigilância Epidemiológica) e demais colaboradores do Governo Municipal, que atuam diretamente no combate ao mosquito.
Inicialmente a Secretária de saúde, Laura Véras, abriu oficialmente o fórum dando as boas vindas. Laura falou sobre as ações, fez agradecimentos e reafirmou seu compromisso perante essa situação de emergência da saúde pública.

O prefeito Dessoles, “comandante” do exercito contra o mosquito, falou com bastante firmeza e se mostrou preocupado. Ao mesmo tempo, pediu mais ações das secretarias nesse enfrentamento. “Nós precisamos de ação. Eu quero fazer um apelo a todos os secretários para que saiam das propostas e coloquem a mão na massa, porque é disso que a sociedade está precisando agora.”, disse. Veja no vídeo:
Na sequencia a Coord. de vigilância em saúde, Isabel Pires, fez uma explanação sobre a situação epidemiológica, dengue, zika e chikungunya. Isabel também foi responsável por apresentar as ações de sua secretaria.
O Dr. João Véras falou sobre os sintomas e tratamentos das arboviroses, que podem ser transmitidas aos seres humanos e outros animais pela picada de artrópodes hematófagos, como o mosquito. As arboviroses são constantes ameaças em regiões tropicais devido às rápidas mudanças climáticas, como em nossa região. Fique atento.
Dr. João Véras
Representantes das secretarias de Desenvolvimento e Assistência Social, e de Educação, também apresentaram as ações de suas respectivas secretarias.
A participação e o envolvimento da população é fundamental na prevenção e controle do mosquito. Quanto mais informações e mobilizações melhor para intensificar a prevenção. Ciente disso, a prefeitura tem intensificado o combate diariamente, mas também precisa da sua colaboração. Ajude.
 Veja todas as imagens CLIQUE ABAIXO



Share/Bookmark

0 comentários: