Em Afogados, sai sentença do júri de Marlon Santos

Jovem assassinado Natan Kennedy
O jovem Marlon Santos foi condenado durando a sessão do júri ocorrida nesta quinta-feira (17), pelo assassinato de Natan Kennedy. A pena fixada foi de 14 anos e 9 meses de reclusão, no presídio Brito Alves ou outro estabelecimento prisional.
O julgamento de Marlon foi muito longo, tendo início por volta das 08:30 da quinta e acabando por volta de 01:00 da manhã desta sexta-feira (18).
O que vimos durante o julgamento foi dor e sofrimento das duas famílias, uma por não ter mais o ente querido e a outra por ter seu ente querido encarcerado e longe do anseio familiar. Marlon confessou o crime e disse que matou para não morrer, para proteger suas filhas e sua família, emocionou parte do público, pediu perdão e uma nova chance, porém, os jurados não lhe concederam o perdão.
Marlon está preso havia 1 ano e como é réu primário e dependendo do seu comportamento, deverá ter progressão de pena e mudar para o regime semi-aberto em poucos anos.
Fonte: Mário Martins

Share/Bookmark

0 comentários: