AÇÃO DA POLÍCIA CIVIL E MILITAR INICIADA EM JURU PRENDE EM TABIRA-PE SUSPEITO DE LIDERAR QUADRILHA DE ASSALTANTES NA REGIÃO

Algério Simoa da Silva, preso em Tabira-PE, é suspeito de chefiar grupo de assaltantes responsável por roubos no Sertão da Paraíba e em Pernambuco
As Polícias Civil e Militar da Paraíba prenderam nessa quinta-feira (26) Algério Simoa da Silva, suspeito de chefiar um grupo de assaltantes responsável por roubos no Sertão paraibano e em Pernambuco. A ação teve apoio da Polícia Militar daquele estado e aconteceu na cidade de Tabira (PE).
De acordo com o delegado Cristiano Jacques, titular da 16ª Delegacia Seccional, que tem sede em Princesa Isabel, a quadrilha era investigada por praticar assaltos nos dois estados, nas cidades paraibanas de Água Branca, Teixeira e Juru, e ainda Tabira, Solidão, Sertânia, São José do Egito e Afogados da Ingazeira.
“Eles tinham como alvo residências na zona rural e também roubavam motocicletas. Na quarta-feira, foram presos em Água Branca outros três integrantes do grupo criminoso, e nesta quinta-feira o chefe do bando, por cumprimento de mandado de prisão temporária expedido pelo Juízo da mesma cidade”, explicou a autoridade policial.
O delegado ainda acrescentou que as ações do grupo eram caracterizadas pela violência, com uso de arma de fogo nas abordagens. “Na semana passada, outro grupo responsável por assaltos na região também foi preso, na cidade de Juru”, acrescentou o delegado, afirmando que Algério permanece na unidade prisional de Princesa Isabel, à disposição do Poder Judiciário.
Redação com Secom-PB.
Água branca em foco

Share/Bookmark

0 comentários: