É um cadáver? Viajante assustador passa pelo raio-X de aeroporto dos EUA

Todos os dias, agentes que cuidam do raio-X dos aeroportos dos Estados Unidos encontram diversos itens inusitados e perigosos nas malas e no corpo de passageiros, como armas de fogo, facas disfarçadas dentro de pentes e até animais vivos.
No último domingo (15), porém, tais profissionais de segurança tiveram que lidar com um item mais assustador do que qualquer pistola.
Chegou ao aeroporto Hartsfield-Jackson Atlanta (o mais movimentado dos EUA e do mundo) o que parecia ser um cadáver em estado de putrefação. Fãs de ficção poderiam ainda pensar que se tratava de um zumbi – ainda mais porque Atlanta foi um dos cenários da série televisiva “The Walking Dead”.
A figura, porém, era um boneco de dimensões humanas usado na refilmagem do clássico do terror “O Massacre da Serra Elétrica” que foi lançada em 2003.
Como pode ser visto nas fotos acima, tiradas por um dos agentes do aeroporto, a réplica de um homem morto, que aparece no filme, estava sendo transportada por via aérea desde Atlanta e, antes de embarcar no compartimento de cargas de seu avião (cujo destino não foi informado pela equipe de segurança local), teve que passar pelo raio-X.
Há especulações na mídia norte-americana de que ela será usada no filme “Leatherface”, com lançamento previsto para 2016 e que falará sobre as origens do assassino do “Massacre da Serra Elétrica”.
O boneco chegou de cadeira de rodas e foi colocado deitado na esteira de um dos aparelhos de segurança do Hartsfield-Jackson. As imagens foram divulgadas no Instagram da Transportation Security Administration (TSA), responsável pela segurança dos sistemas de transportes dos Estados Unidos.
Em janeiro deste ano, a TSA, que divulga suas atividades de maneira extremamente interessante nas redes sociais, anunciou em seu blog que encontrou 2.653 armas de fogo em bagagens de mão de passageiros aéreos em 2015.
Nos Estados Unidos, se tiver uma licença, o viajante pode colocar sua arma de fogo descarregada na bagagem despachada no check-in. Embarcar com ela na bagagem de mão, porém, é proibido. Mas muitos viajantes continuam fazendo isso.
Já bonecos de filme de terror não são tão comuns assim nos aeroportos americanos. (Fonte: Uol)

Share/Bookmark

0 comentários: