Evangelista é agredido por homossexual após pregação

Um pregador que deu opiniões públicas contrárias a homossexualidade foi atingido na cabeça com um taco de beisebol por uma estudante lésbica. Ele se disse indignada com o que considerava “discurso ofensivo”.
Conhecido como irmão Dean Saxton, o evangelista da cidade de Glendale, no Arizona, costuma ir para a frente de escolas de ensino médio e pregar o evangelho. Muitas vezes ele entra em choque com alunos e membros da comunidade LGBT. Ele publica seus vídeos na internet. Sua mais recente tentativa de evangelização, em frente à Escola Apollo acabou viralizando.
Agredido pelas costas pela aluna Brubaker, 19, ele estava filmando sua discussão com uma outra pessoa e é possível ver o sangue escorrendo do ferimento em sua cabeça. Após ele procurar as autoridades, a agressora foi presa. Além de responder pela tentativa de homicídio, ela também portava uma pequena quantidade de drogas.
Histórico de polêmicas
O caso levantou grande polêmica quando foi noticiado pela mídia. O motivo é Dean Saxon ser conhecido por se posicionar fortemente contra os gays. Ele cita muitas passagens da Bíblia e afirma que as pessoas irão para o inferno.
No vídeo da Apollo, é possível ver que alguns alunos e pais tentam intimidá-lo, mandando ele sair da frente da escola e afirmam que ele não pode julgar os outros. No momento em que ele é atingido, muitas pessoas que estavam em frente à Apollo aplaudem e comemoram.
Logo após a prisão de Tabitha, foram divulgadas imagens dele segurando cartazes que afirmam que o comportamento das meninas de hoje fazem com que elas “mereçam ser estupradas”. Com informações de ABC e Raw Story

Share/Bookmark

0 comentários: