Travesti que "escondeu" o pênis por anos morre após ter órgão amputado

A travesti tailandesa Niwat Sangmor, de 27 anos, conhecida como "Sexy Pancake" e famosa nas redes sociais de seu país, morreu na noite do último sábado (14), dias após ter o pênis amputado por conta de um câncer em estágio 3. As informações são da Thai PBS.
Os médicos acreditam que o câncer de pênis, considerado raro entre os mais jovens, tenha sido causado pelos anos que a travesti usou o membro para trás, a fim de escondê-lo durante sua carreira de três anos que a tornou uma celebridade no país. Especialistas acreditam que o fluxo sanguíneo restrito criou condições para o crescimento de células cancerígenas.
"Sexy Pancake" ficou internada no Khon Kaen Hospital, de onde postou fotos e fez apelo por ajuda para pagar pelo tratamento. Com a piora em sua condição de saúde, ela foi levada para casa, para realizar seu último desejo, mas acabou voltando para um hospital no distrito de Waeng Noi, onde faleceu.
A travesti tinha quase 500 mil seguidores na rede social e era famosa pelas performances bem humoradas sobre "uma travesti que vive em área rural". O caso dela está sendo usado para alerta para outras mulheres trans que também têm o costume de esconder o órgão dessa maneira. 
Redação RedeTV!

Share/Bookmark

0 comentários: