MENINA ÁRABE DE 8 ANOS MORRE NAS MÃOS DO SEU ESPOSO DE 40 ANOS DURANTE A NOITE DE NÚPCIAS!!!!


No ano 619 depois de Cristo, na Arábia, houve um fato marcante, um homem de mais de 50 anos se casa com uma menina de apenas 6 anos. Quando a menina (seu nome era Aisha) fez os 9 anos, se faz o casamento, seu marido era Mahoma, o profeta de uma religião que na atualidade conhecemos como o Islam.
Desde essa data até a atualidade, essa prática está longe de ser considerada uma aberração e de desaparecer, pelo contrario, continua aumentando. Esta é uma das historias que revela que uma menina morre por causa dessa prática deplorável.
A autoridade religiosa mais alta da Arábia Saudita estabeleceu que os homens podem casar-se com meninas menores de 15 anos, fato que seria considerado pedofilia e violação em países ocidentais.
Atualmente, a realidade das meninas noivas é um problema impactante para os olhos do mundo, muitas delas são casadas mesmo sem o seu consentimento.
Uma menina de oito anos de idade que casaram com um homem de 40 anos morreu em Yemen durante a sua noite de núpcias depois de ter sofrido lesões internas pelas penetrações reiteradas e violentas enquanto atualmente as organizações de direitos humanos pedem pela detenção do seu marido que tinha cinco vezes a sua idade
Fontes do Líbano informaram que a morte se produziu na zona tribal de Yemen, na fronteira com a Arábia Saudita, refletindo mais uma vez sobre os casamentos infantis forçados no Oriente Médio.
De acordo com as Nações Unidas (UNFPA) “entre o 2011 e o 2020, mais de 140 milhões de meninas virarão esposas. Além dos 140 milhões de meninas que serão casadas antes dos 18 anos, 50 milhões estarão embaixo dos 15 anos.”
Esta matéria você encontra também no Jornal O Globo:
http://oglobo.globo.com/mundo/menina-de-oito-anos-morre-apos-lua-de-mel-com-marido-de-40-9902004

Share/Bookmark

0 comentários: