Polícia cumpre 25 Mandados de Prisão e 37 de Busca contra integrantes de grupo criminoso no Sertão

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta quinta-feira (21/07) a Operação “HADES”, sendo a 18° Operação de Repressão Qualificada de 2016, decorrente de investigação realizada pelo Delegado Ubiratan Rocha, titular da 188ª Circ. Delegacia de São José do Egito, 20° Desec, que contou com a assessoria do Núcleo de Inteligência da PCPE da 26° Desec, em Petrolina.
A referida ação policial está sendo realizada nas cidades de São José do Egito, Itapetim, Salgueiro, Verdejante e Arcoverde, todos no Sertão Pernambucano.
A operação “HADES” tem por objetivo cumprir 25 Mandados de Prisão Preventiva e 37 Mandados de Busca e Apreensão Domiciliar contra integrantes de grupo criminoso responsável pela prática de roubos, homicídios, tráfico de drogas e comércio de armas de fogo.
Do total de 25 mandados de prisão preventiva para cumprir, 07 mandados foram expedidos em desfavor de detentos recolhidos no sistema prisional.
As medidas cautelares foram expedidas pelo Juiz de Direito da Comarca de São José do Egito/PE, em atendimento às representações da Polícia Civil de Pernambuco.
A ação é supervisionada pela Chefia da Polícia Civil de Pernambuco e coordenada pela DINTER 2. Na execução do trabalho operacional estão sendo empregos 286 policiais, sendo 150 (cento e cinquenta) Policiais Civis de Pernambuco, entre Delegados, Agentes e Escrivães, e 136 (cento e trinta e seis) Policiais Militares.
Os presos e os materiais apreendidos serão encaminhados para a Delegacia de Polícia de São José do Egito/PE.
Um balanço parcial da Operação “HADES” será feito logo mais às 7h30, na Delegacia de São José do Egito, pelo Delegado Lamartine Fontes, Gestor de Controle Operacional do Interior 2.
Os detalhes completos da investigação e operação serão divulgados na próxima terça-feira (26), às 9:30H, no 4º andar da sede Operacional da Polícia Civil, em Recife.

Share/Bookmark

0 comentários: