Vídeo: Juiz Sergio Moro diz que corrupto é tão maligno quanto um assassino

 
Em um vídeo publicado na página do Facebook de sua esposa na noite deste sábado, o juiz Sergio Moro usou citações dos presidentes norte-americanos Theodore Roosevelt e Abraham Lincoln para dizer que a corrupção não pode ser tolerada pelas autoridades. “Primeiro requisito para o alto governo ser bem sucedido é a aplicação da lei sem vacilos e a eliminação da corrupção. O governo do povo, pelo povo e para o povo irá perecer da face da terra se a corrupção for tolerada. A exposição e a punição da corrupção pública são uma honra para uma nação, não uma desgraça”, disse o magistrado que conduz a Lava Jato na primeira instância em Curitiba. Dividindo-se entre os trabalhos da Operação, Moro tem passado os últimos dias mandado recados para o governo. Na última segunda-feira, disse que o Congresso “tem que mostrar de que lado está nessa equação” em relação às 10 Medidas Contra a Corrupção que tramitam na Câmara dos Deputados. Em dias anteriores, já havia declarado que o Legislativo é tímido no combate aos crimes de colarinho branco.
Lançando mão das palavras de Roosevelt, o magistrado ainda comparou os agentes corruptos a homicidas – “tão malignos quanto e piores do que ladrões” – por “assassinarem a própria comunidade”. Disse Moro no vídeo: “Não existe crime mais sério do que a corrupção. Outras ofensas violam uma lei enquanto a corrupção ataca a fundação de todas as leis. Ele [o pagador de propinas] é pior do que o ladrão, porque o ladrão rouba um indivíduo. Enquanto o corrupto saqueia uma cidade ou um Estado. Ele é tão maligno quanto um assassino porque um assassino pode somente tomar uma vida contra a lei, enquanto o agente corrupto e a pessoa que o corrompe miram de forma semelhante o assassinato da própria comunidade”.
O vídeo caseiro que tem pouco mais de 3 minutos provavelmente foi gravado dentro da casa do juiz federal. Nas palavras finais, ele diz que o fez especialmente para a página que a sua mulher, Rosângela Moro, mantém no Facebook chamada de “Eu MORO com ele”. O perfil é dedicado a reproduzir os discursos públicos do juiz e os presentes que ele recebe dos fãs.

Share/Bookmark

0 comentários: