PREFEITURA DE CARNAÍBA

Mulher é assassinada dentro do metrô em Recife e não é mais seguro para os interioranos

Uma passageira do metrô morreu após ser baleada na cabeça durante um assalto dentro do vagão em que estava, na noite desta quinta-feira( 1), nas imediações da Estação Imbiribeira, na Zona Sul do Recife. Edilene Maria da Silva, de 39 anos, estava no último vagão da Linha Sul, sentido Cajueiro/Recife, quando, por volta das 21h30, dois suspeitos anunciaram o assalto. Um outro passageiro reagiu. Ele teria dado voz de prisão à dupla e atirado contra os assaltantes. O tiro acertou a mulher.
O transporte é o mais utilizado pelos que saem do interior de Pernambuco para o Recife. Até por ser mais barato. Entretanto, o metrô Recife, nos últimos anos; sofreu um processo de degradação com assaltos e agora homicídios. Há muito tempo que o metrô passou a ser um transporte inseguro e quem chefa do interior, está sujeito a movimentos surpresa.
De acordo com a Polícia Ferroviária Federal, três testemunhas presenciaram o crime. O passageiro que efetuou o disparo teria desembarcado na Estação Imbiribeira e os dois suspeitos de assalto conseguiram fugir ao chegar na Estação Largo da Paz. Em Afogados, o trem parou e a mulher foi socorrida pelos policiais para a Policlínica Agamenon Magalhães, que fica em frente à estação. Edilene Maria ainda chegou com vida à unidade de saúde, mas não resistiu à gravidade do ferimento e a perda de massa encefálica.
Com informações do Diário de Pernambuco

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

0 comentários: