PREFEITURA DE CARNAÍBA

Moda da sobrancelha ondulada pode interromper o desenvolvimento dos fios

Moda da sobrancelha ondulada pode interromper o desenvolvimento dos fios
O estilo é nova mania nas redes sociais de beleza
Depois da moda de sobrancelha em formato de pena, a última tendência é o desenho ondulado para os pelos sobre os olhos. Chamadas de “wavy brows”, o novo estilo aparece em looks mais ousados.
“Essa tendência pode ser considerada um movimento artístico porque não atende o público que prefere preservar a naturalidade das sobrancelhas, e também pode provocar sérios danos à saúde dos fios”, adverte Jane Muniz, sócia fundadora do Spa das Sobrancelhas e mestre em visagismo facial.
Jane também explica que as nossas sobrancelhas possuem fios muito sensíveis e que passam, assim como nossos fios capilares, por um ciclo de vida, onde o fio nasce, se desenvolve, cresce e em seguida cai para sua renovação.
“Esse processo é natural e varia de pessoa para pessoa em relação ao tempo, mediante suas condições físicas e também emocionais. No caso, para deixar as sobrancelhas assim, será necessário uma extração assídua dos pelos irregularmente, evidenciando as ondas, o que pode gerar uma tração mecânica. Os pelos são extraídos continuamente interrompendo o seu ciclo natural”.
Segundo Muniz, os fios podem ficar enfraquecidos devido a epilação constante e até nem nascerem mais depois do processo:
“Para um design de sobrancelhas o processo de extração é o mesmo. Porém, como preservamos ao máximo a naturalidade, os fios supostamente fragilizados pela epilacão constante se enfraquecem e nascem cada vez mais finos e mais lentamente. Já na tendência mostrada, as sobrancelhas poderão não voltar mais no seu formato tradicional e gerar uma área com baixa densidade (falhas) ou talvez nem mais nascer fios, dependendo da condição da epilação contínua”.
Foto Divulgação/ Black EmpreendimentosPorThiago Freitas
/spadassobrancelhasoficial/ @spadassobrancelhasoficial
Compartilhe:
https://www.facebook.com/BlogTvWebSertao/#
CURTA a página da Web Sertão e tenha no feed de notícias do
seu Facebook as principais notícias do momento.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

0 comentários: