PREFEITURA DE CARNAÍBA

Número de apreensões de armas de fogo em presídios de Pernambuco este ano supera a quantidade de 2016

 
O número de armas de fogo apreendidas até outubro deste ano nos presídios de Pernambuco é 40% maior do que a quantidade de armamentos recolhidos em todo o ano de 2016. De acordo com informações repassadas nessa quarta-feira (25) pela Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), em 2017, foram encontradas 70 armamentos. No ano passado, os agentes penitenciários localizaram 50 revólveres e pistolas.
A última apreensão ocorreu na terça-feira (24), no Presídio Marcelo Francisco de Araújo (Pamfa), no Complexo do Curado, na Zona Oeste do Recife. Os agentes encontraram, nas imediações do posto 9, uma pistola calibre 380, que teria sido arremessada por cima do muro. O caso será investigado pela delegacia de Jardim São Paulo, na mesma região.
Em relação a 2015, o número de apreensões feitas em 2017 é ainda maior. Naquele ano, foram localizadas 21 armas.
No Presídio Juiz Antônio Luiz Lins de Barros (PJALLB), que também integra o Complexo do Curado, até setembro deste ano, a Seres recolheu 29 armas de fogo. Na unidade, um detento de 35 anos foi assassinado na noite do dia 20 daquele mês. Em seguida, os agentes localizaram uma pistola Taurus calibre 380.
Veja mais em "continuar lendo" abaixo🔽O Complexo do Curado teve problemas constatados por uma comitiva da Organização dos Estados Americanos (OEA) durante inspeção realizada em junho de 2016. Representantes de organizações que denunciaram a situação do presídio apontaram ainda a permanência de violações dos direitos humanos, apontadas desde 2011, por um grupo liderado pela Pastoral Carcerária do Estado.
Do G1

https://www.facebook.com/BlogTvWebSertao/#

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

0 comentários: