Homem que se vestiu de mulher para fugir de presídio foi encontrado morto

O preso Clauvino da Silva, 42 anos, que tentou fugir da cadeia vestido de mulher, foi encontrado morto em sua cela em Bangu 1 na manhã desta terça-feira (6). Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro, ele se enforcou com um lençol. A ousada tentativa de fuga de Clauvino, que contou com o uso de máscara, peruca e roupas femininas, virou notícia em todo o Brasil.
Clauvino tentou escapar de Bangu 3 no sábado (5), dia de visita na unidade. Ele pretendia se passar pela filha, Ana Gabriele Silva, de 19 anos. Outras oito visitantes, uma delas grávida, também são suspeitas de terem auxiliado o criminoso.
Após o episódio, ele foi colocado em isolamento em Bangu 1. Clauvino estava preso desde 2013, quando foi condenado a 73 anos e 10 meses de prisão. Integrante do tráfico de drogas em Angra dos Reis, ele já havia fugido do Instituto Penal Vicente Piragibe, em Gericinó, em fevereiro de 2013.