https://www.facebook.com/pg/saudeiguaracy/posts/?ref=page_internal

Candidato que fizer o Enem sem máscara será eliminado

Devido à pandemia de covid-19, os 5,7 milhões de inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 terão que obrigatoriamente usar máscaras durante toda a aplicação das provas, programadas para os dias 17 e 24 de janeiro de 2021 na versão impressa e 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021 no formato digital. O acesso aos prédios só será permitido com o acessório. Quem não usar vai ser eliminado. As exceções são os candidatos com autismo, deficiência intelectual, deficiências sensoriais ou com quaisquer outras deficiências que as impeçam de portar adequadamente o utensílio de proteção.
A máscara deve cobrir totalmente o nariz e a boca do participante, desde a sua entrada até sua saída do local de provas. Será permitido que o estudante leve máscara reserva para troca durante a aplicação. Também será obrigatório o uso de máscaras pelo acompanhante de mães que estiverem amamentando.
As regras constam em novos editais publicados no Diário Oficial da União desta sexta-feira (31). Em decorrência da pandemia do novo coronavírus, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou nova redação dos editais, incluindo as diretrizes e os procedimentos de prevenção à covid-19.