https://www.facebook.com/pg/saudeiguaracy/posts/?ref=page_internal

Foi dada a largada nas disputas municipais


O prazo para que os partidos políticos apresentassem as chapas que irão concorrer às disputas majoritária e proporcional foi encerrado nesta quarta-feira (16), conforme prevê o calendário eleitoral. Em virtude da pandemia do novo coronavírus (covid-19) e atendendo às recomendações do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE), as reuniões de homologação das candidaturas ocorreram com acesso restrito de participantes.
A maioria delas foi transmitida através de plataformas virtuais. Agora, com um desenho dos quadros políticos consolidado nos municípios, os candidatos a prefeito e vereador e, claro, os eleitores devem estar atentos a uma nova data: 27 de setembro. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a partir deste dia será dado o start nas campanhas, com autorização da propaganda eleitoral de rádio e TV, incluindo também a internet.W
No Recife, com 10 candidaturas oficializadas nesta quarta-feira, a corrida promete ser acirrada por parte dos espectros políticos de direita, centro e esquerda.
O debate nacional entrou nos discursos de todos os postulantes à sucessão do prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), numa clara demonstração que os palanques serão divididos entre os que apoiam e os que não apoiam o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido).
Bolsonaro, por sua vez, já declarou que não dará apoio oficial a nenhum candidato pelo País, ao menos no primeiro turno das Eleições 2020. E o encontro presencial dos eleitores com as urnas está marcado para o dia 15 de novembro.
Caso haja segundo turno, ele será realizado no dia 29 de novembro. E fique atento ao horário da votação: 7h às 17h, sendo que as três primeiras horas serão preferenciais para pessoas acima de 60 anos, que integram o grupo de risco da covid-19.