Infectologista aponta que na UTI só tem pacientes não imunizados contra Covid-19


Com as Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) lotadas, a intensivista e cardiologista Ludhmila Hajjar declarou que, atualmente, os pacientes que estão ocupando essas vagas são os não vacinados contra a covid-19 e alertou para os danos da doença entre profissionais da saúde.
Para o jornal O Globo, a médica ressaltou a diferença expressiva entre o impacto da variante ômicron nos vacinados e os não imunizados ou que não completaram o ciclo de imunização. Segundo ela, os pacientes internados chegam arrependidos de não terem sido vacinados.
Ainda conforme a especialista, a variante ainda pode surpreender, mas tem apresentado comportamento semelhante nos sistemas de saúde público e privado.
Contudo, Ludhmila ressaltou que acredita na linha científica que aponta um possível fim da pandemia em razão do alto nível de infecção pela doença atualmente.
Vale ressaltar que Ludhmila foi cotada para assumir o Ministério da Saúde no lugar do ex-chefe da pasta, o general Eduardo Pazuello, em março de 2021, mas recusou o convite do presidente Jair Bolsonaro (PL).

Betano: Apostas Esportivas - Faça seu Jogo Online

ANÚNCIOS WEB SERTÃO - (87) 98821-5232