Mostrando postagens de Setembro 26, 2016Mostrar tudo

Gasolina está mais cara no Brasil do que no exterior há 12 meses

G1
O preço da gasolina nas refinarias da Petrobras está atualmente cerca de 25% acima da média dos preços no exterior e já são 12 meses seguidos de gasolina bem mais cara no Brasil, segundo dados do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE).
Levantamento da consultoria mostra que a diferença nos preços chegou a 49,1% em fevereiro, caindo para 10,6% em junho e fechando agosto em 23,1%. No acumulado no mês de setembro, até o dia 19, o preço praticado no mercado brasileiro está 25,5% mais caro.
A última vez em que houve uma defasagem – preço do mercado interno abaixo do internacional – foi em agosto de 2015, quando o preço da gasolina no Brasil ficou 3,1% menor que o da importada, segundo o CBIE.
Já o preço do óleo diesel nas refinarias nacionais está atualmente 41,3% acima do preço de referência internacional. Em janeiro chegou a 63,6% e, em junho, caiu para 28,8%. No caso do diesel, já são 22 meses de vantagem para a Petrobras.
O levantamento do CBIE compara os preços cobrados nas refinarias da Petrobras com os dos combustíveis comprados no Golfo do México (EUA), incluindo custos de transporte.
“O preço varia muito em função do câmbio e preço do petróleo, mas praticamente desde o final de 2014 o prêmio tem sido significativamente positivo para a Petrobras, o que faz o brasileiro estar pagando uma gasolina muito cara”, afirma o sócio-diretor do CBIE, Adriano Pires.
Pelos cálculos do CBIE, as diferenças de preços proporcionaram para a Petrobras, somente entre janeiro e julho, um ganho potencial de cerca de R$ 15 bilhões – R$ 11,8 bilhões com a gasolina e R$ 3,2 com o diesel.
Petrobras avalia mudar política de preço:A discrepância entre os preços cobrados aqui e lá fora voltou a ser tema de debate com as notícias de que a Petrobras está definindo uma nova política de preços para os combustíveis.
Segundo apurou João Borges, editor de economia da GloboNews, a Petrobras estuda anunciar até o final do ano uma redução no preço da gasolina. A intenção é anunciar a medida junto com uma nova política de preços, cujo critério será o alinhamento do preço praticado no Brasil com os do mercado internacional.
Com a queda do preço do barril de petróleo para patamares abaixo de US$ 50, a Petrobras passou a vender os combustíveis com um prêmio expressivo em relação a valores internacionais, o que desde o ano passado tem gerado cobranças sobre uma redução nos preços cobrados pela estatal.
Nesta quarta-feira (21), o presidente da companhia, Pedro Parente, disse que “não há decisão tomada” sobre o assunto, mas que está sendo discutida uma nova política de preços de combustíveis tendo como referência a paridade internacional, e que isso implica que “preços podem subir ou descer”.
Em entrevista à CBN, Parente justificou o preço atual dos combustíveis no Brasil acima dos preços internacionais de referência pelo componente de risco em operar em um mercado volátil e pela necessidade da empresa ter a sua margem na operação.

105 concursos com inscrições abertas têm 14,8 mil vagas

Pelo menos 105 concursos públicos no país estão com inscrições abertas nesta segunda-feira (26) e reúnem 14.826 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 33.762,00 na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj).

CONFIRA AQUI A LISTA COMPLETA DE CONCURSOS E OPORTUNIDADES
Além das vagas abertas, há concursos para formação de cadastro de reserva – ou seja, os candidatos aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso.
Entre os órgãos com inscrições abertas estão a Anvisa, com 78 vagas para técnico administrativo; o Ministério Público da União, com 82 vagas para procurador da República; a Dataprev, com vagas de nível médio e superior em Brasília, São Paulo, Florianópolis, Fortaleza, João Pessoa, Natal e Rio de Janeiro; a Fiocruz, com abertura de dois editais e o total de 119 vagas de nível médio e superior; a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), com oportunidades em Sergipe, Paraíba, Rio de Janeiro e Santa Catarina, o Tribunal Regional Eleitoral do Estado de São Paulo, com 14 vagas e cadastro para cargos de nível médio e superior e salário de até R$ 9.736,27; a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), com 44 vagas e salário de até R$ 33.762,00; e a Polícia Militar de Goiás, que oferece 2.500 vagas de nível médio e superior e remuneração de até R$ 5.401,43.
Dois tribunais abrem as inscrições nesta segunda-feira: o Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região (Sergipe) e o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE). Já na quinta-feira (29), o Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) abre inscrições para 18 vagas e cadastro com salários de até R$ 8.826,39.

Veja os 6 órgãos que abrem inscrições para 826 vagas nesta segunda:
Instituto Federal do Piauí (IFPI)
O Instituto Federal do Piauí (IFPI) abre as inscrições de concursos para o total de 114 vagas para professores e servidores técnico-administrativos. Para docentes, estão sendo ofertadas 60 vagas. Já para técnicos-administrativos, são 54 vagas em cargos de níveis fundamental, médio e superior. Os salários variam de R$ 1.834,69 a R$ 9.114,67. As inscrições devem ser feitas de 26 de setembro a 31 de outubro pelo site www.ifpi.edu.br/concurso2016. As taxas vão de R$ 50 a R$ 100 (veja o edital).
Prefeitura de Monte Belo (MG)
A Prefeitura de Monte Belo (MG) abre as inscrições para 24 vagas de nível médio, técnico e superior. Os salários variam de R$ 895,82 a R$ 1.323,55. As inscrições devem ser feitas de 26 de setembro a 25 de outubro pelo site www.maximaauditores.com.br. A taxa varia de R$ 35 a R$ 52(veja o edital).
Secretaria de Estado da Educação de Rondônia
A Secretaria de Estado da Educação de Rondônia abre as inscrições do concurso público para 672 vagas em cargos de nível médio e superior. Os salários vão de R$ 1.104,74 a R$ 2.451,25. Os cargos de nível médio são de cuidador, intérprete libras e revisor cego. Os cargos de nível superior são de professores de artes, biologia, educação física, filosofia, física, geografia, história, libras, língua espanhola, língua inglesa, língua portuguesa, matemática, orientação escolar, séries iniciais, supervisão escolar, química e sociologia, administrador, assistente social, biblioteconomista, contador, economista, nutricionista e psicólogo. As inscrições devem ser feitas de 26 de setembro a 23 de outubro pelo site www.ibade.org.br. As taxas são de R$ 60 e R$ 80 (veja o edital).
TRE-PE
O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE/PE) abre as inscrições do concurso público para 4 vagas e cadastro de reserva aos cargos de analista judiciário e técnico judiciário. Os salários são de R$ 6.071,97 e R$ 9.962,39, respectivamente. As inscrições devem ser feitas de 26 de setembro a 20 de outubro pelo site www.cespe.unb.br/concursos/tre_pe_16. As taxas são R$ 75 para nível superior e R$ 60 para nível médio (veja o edital).
TRT-SE
O Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região, de Sergipe, abre as inscrições do concurso público para 6 vagas e cadastro de reserva em cargos de nível médio e superior. Os salários são de R$ 5.934,16 e R$ 9.736,27, respectivamente. Os cargos de nível superior são de analista judiciário nas áreas administrativa, judiciária, oficial de justiça avaliador federal, contabilidade, estatística, comunicação social, enfermagem, engenharia civil, fisioterapia, medicina do trabalho e odontologia. Os cargos de nível médio são de técnico judiciário nas áreas administrativa, enfermagem e tecnologia da informação. As inscrições devem ser feitas pelo site www.concursosfcc.com.br de 26 de setembro a 26 de outubro. A taxa é de R$ 90 para nível médio e de R$ 110 para nível superior (veja o edital).
Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abre as inscrições para 6 vagas em cargos de nível médio/técnico e superior. Os salários são de R$ 2.294,81 e R$ 3.868,21, respectivamente. Os cargos são de administrador (1 vaga), nutricionista (1 vaga), produtor cultural (2 vagas), tecnólogo/gestão pública (1 vaga) e técnico de laboratório/patologia (1 vaga). As inscrições devem ser feitas de 26 de setembro a 24 de outubro por meio do site www.comperve.ufrn.br. As taxas são de R$ 60 e R$ 80 (veja o edital).
Do G1

Dezenas de candidatos ao concurso da PM passam mal em viagem ao CE

Dezenas de candidatos do concurso público da Polícia Militar do Ceará passaram mal e foram internados por intoxicação quando se deslocavam de Recife para Fortaleza para realizar o exame, que ocorre nesse domingo (25) e conta com inscritos de todos os estados do Nordeste.
Os candidatos tiveram que interromper a viagem na tarde de sábado (24) e receberam atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em Beberibe, no litoral cearense. Em seguida, eles foram levados ao hospital municipal da cidade.
De acordo com a unidade, mais de 20 pessoas sofreram intoxicação leve e relataram fortes dores abdominais e mal-estar. A suspeita é de que eles se alimentaram de comida estragada quando fizeram uma parada em Mossoró, no Rio Grande do Norte, no caminho a Fortaleza.
Ainda de acordo com a unidade, os candidatos receberam alta ainda na noite de sábado, após receberem medicação, e terão condições de realizar as provas.
Concurso da PM
A prova do concurso da Polícia Militar acontece neste domingo (25), em Fortaleza. De acordo com a organização do concurso, ao todo, 80.450 candidatos irão concorrer as 4.200 vagas de soldado. O salário inicial do cargo é de R$ 3.134,58.
As provas serão realizadas em 95 locais diferentes em Fortaleza e o candidato deverá verificar o local da prova e imprimir o cartão de informação no site do Instituto AOCP, empresa organizadora do certame. (G1)

BETÂNIA: Grupo é preso, suspeitos de explodir caixas eletrônicos em PE

Cinco pessoas suspeitas de integrar uma quadrilha especializada em explodir caixas eletrônicos no estado foram presas pela Polícia Militar de Pernambuco. A prisão aconteceu na madrugada deste sábado (24), por volta das 4h, em João Alfredo, município do Agreste pernambucano.
Quatro homens e uma mulher, identificados como: José Adson de Lima, vulgo “Galego de Lena de Cazusa”, natural da cidade de Betânia-PE; André Luiz de Moraes Lima, Ademir Brás da Silva; Edvaldo Gomes de Almeida e Elayne Rayssa Gomes de Almeida, 20 anos, possui em seu nome, uma mineradora (pedreira), no distrito de Sítio dos Nunes, em Flores-PE; de idades não reveladas, compõem o grupo que foi preso. Com os suspeitos, foram apreendidos fuzis, espingardas, explosivos e grampos, que são espalhados no asfalto para facilitar a fuga.
Os suspeitos presos foram levados para o Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri), no bairro do Cordeiro, na Zona Oeste do Recife, chegando ao local por volta das 10h00.
Onda de assaltos
No primeiro semestre deste ano, 110 assaltos a banco foram registrados pela Polícia Civil de Pernambuco, o que inclui o crime à mão armada, arrombamentos de caixas eletrônicos, arrombamentos de cofres, ações com uso de explosivos e sequestros de gerentes, o chamado sapatinho. Um dado superior aos 97 registrados no mesmo intervalo de tempo em 2015.
Do total, 77 ocorrências foram direcionadas a terminais bancários em Pernambuco, sendo 39 arrombamentos de caixas eletrônicos e 38 explosões. Os números representam um aumento de 105% nos arrombamentos e de 35% nas explosões em relação ao mesmo período do ano passado. Nos primeiros sete meses do ano anterior, foram 19 caixas arrombados e 28 detonados com explosivos. Uma força-tarefa foi criada entre as polícias Civil e Federal no estado para investigar essas ocorrências, que seguem sendo frequentes no mês de agosto. Com informações do G1 PE.
portal Nayn Neto

Propaganda eleitoral no rádio e na TV acaba na próxima quinta

Termina na próxima quinta-feira (29) a propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão. Também é o último dia para reuniões públicas, comício e a utilização de aparelhagens de sonorização fixa, entre às 8h até a meia-noite, com exceção do comício de encerramento da campanha que poderá ser prorrogado por mais duas horas.
Termina, ainda, o prazo para a realização de debate no rádio e na televisão. A partir da próxima quinta-feira, o juiz poderá expedir salvo conduto em favor de eleitor que sofrer violência moral ou física na sua liberdade de votar.

Nova lei prevê desempenho mínimo nas urnas para candidato a vereador

G1
Uma mudança na legislação aprovada pelo Congresso na reforma eleitoral do ano passado – e que será aplicada pela primeira vez na eleição deste ano – estipulou uma espécie de “nota de corte”, diferente em cada cidade, para um candidato a vereador se eleger.
Pela nova regra, os candidatos a deputado federal, deputado estadual e vereador necessitarão obter, individualmente, um total de votos de pelo menos 10% do quociente eleitoral, que é calculado dividindo-se o número de votos válidos da eleição (sem brancos e nulos) pelo número de cadeiras disponíveis na Câmara dos Deputados, na Assembleia Legislativa ou na Câmara Municipal.
Isso está fazendo com que, na campanha deste ano, partidos peçam aos seus eleitores para que abandonem a prática do voto de legenda (aquele em que o eleitor vota só no partido e não especificamente em um candidato) – leia mais abaixo.
O voto de legenda se soma aos votos que os candidatos obtêm individualmente para fins de se calcular o quociente partidário, que determina o número de vagas na Câmara Municipal ao qual o partido (ou coligação) terá direito – para isso, divide-se o número de votos válidos que o partido ou coligação obteve pelo quociente eleitoral.
Com a mudança introduzida pela reforma eleitoral do ano passado, o voto na legenda contribui para o quociente partidário, mas não ajuda os candidatos a vereador, individualmente, a alcançar os 10% do quociente eleitoral.
Um exemplo: se em determinado município, houve 100 mil votos válidos na eleição, e as cadeiras em disputa na Câmara são 10, o quociente eleitoral é 10 mil.
Nessa hipótese, com a nova regra, o candidato precisa de pelo menos mil votos (10% de 10 mil) para ter chance de se eleger.
Assim, se um partido recebeu 50 mil votos (somados os votos em candidatos e na legenda), e o quociente eleitoral é 10 mil, o resultado da conta dá 5. Portanto, o partido terá direito a cinco vagas.
Se, por hipótese, o quarto e o quinto colocados desse partido não alcançaram, na votação individual, 10% (mil votos) do quociente eleitoral (10 mil votos), o partido perderá essas duas vagas e ficará somente com três.
Nesse caso, a Justiça Eleitoral fará um novo cálculo, e as duas vagas serão transferidas para outro partido ou coligação cujos candidatos cumpram o requisito.