Mostrando postagens de Outubro 18, 2016Mostrar tudo

Garotinha acorda de madrugada e surpreende a mãe com anúncio: "O Rei está vindo"

A pequena Lily surpreendeu seus pais, quando os acordou de madrugada, dizendo "O Rei está vindo!" e apontando para o alto.
Que bebês acordam de madrugada para chamar seus pais (por diversos motivos) não é novidade para muitos. Porém quando a pequena Lily acordou durante uma madrugada, surpreendeu sua mãe com o anúncio de algo muito importante: "O Rei está vindo".
Por volta da meia noite, a criança - que tinha cerca de dois anos de idade na época em que o vídeo foi gravado (2015) - acordou seus pais e dizia enfaticamente: "Ele está vindo! Ele está vindo!".
"Ela nos falava sobre sua visão de sonho no final do dia. Eu ainda consegui gravar este vídeo", disse Chelsea Rebecca, a mãe da criança, em um relato posterior.
"Ela nos dizia 'Ele está vindo! Ele está vindo!' e quando eu perguntei 'quem?', ela respondeu: 'o Rei' e apontava para o alto", continuou.
A mãe explicou que ficou surpresa com o ocorrido, porque nada do tipo havia sido 'ensaiado' antes em casa e a criança não havia aprendido a falar tais coisas com seus pais.
"Eu não a ensinei a fazer isso. Ela acabou de fazer 2 anos e está começando a falar diversas palavras e frases com clareza. Antes disso, acreditávamos que sua melhor compreensão sobre Deus era associada às orações antes de dormir todas as noites", explicou.
"Nós ainda não tínhamos falado para sobre o arrebatamento ou a segunda vinda de Jesus (já que ela é tão jovem)".
Quanto à "qualidade ruim do vídeo", Chelsea explicou que estava tentando não deixar a filha descobrir que estava sendo filmada, para manter a naturalidade do momento.
"Desculpe o ângulo ruim, mas eu estava tentando esconder a câmera [da Lily]", explicou a mãe.Somente no canal de Chelsea, o vídeo já tem mais de 60 mil visualizações. (Imagem: Youtube)
Ao final do vídeo, ela ainda se curva três vezes e sorri para a mãe.
Chelsea ainda contou que na manhã seguinte, Lily voltou a trazer o importante alerta para sua mãe.
"Na manhã seguinte, enquanto estava começando seu café da manhã, ela me disse: 'Mamãe, se abra, porque Deus está chegando' e então passou a bater na parede 3 vezes", contou.
Apesar da surpresa que teve ao ver sua filha alertando sobre a segunda vinda de Jesus, Chelsea entendeu o real valor daquele momento tão sincero.
Veja o vídeo:
Ao final de seu relato a mãe compartilhou as passagens bíblicas abaixo:
"E, depois disso, derramarei do meu Espírito sobre todos os povos. Os seus filhos e as suas filhas profetizarão, os velhos terão sonhos, os jovens terão visões". (Joel 2:28 - NVI)
"À meia-noite, ouviu-se um grito: ‘O noivo se aproxima! Saiam para encontrá-lo!" (Mateus 25:6 - NVI)

Congresso deve votar nesta semana crédito de R$ 702,5 milhões para Fies

O presidente do Congresso Nacional, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), marcou para esta terça-feira (18) uma sessão conjunta do Congresso (deputados e senadores), para tentar votar, entre outros itens, projeto que libera, a título de crédito extraordinário, R$ 702,5 milhões para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).
A verba desse fundo é usada para quitar mensalidades de estudantes universitários matriculados em instituições privadas. Os atrasos do governo federal a essas instituições de ensino, contudo, já chegam a quatro meses.
No último dia 5, os parlamentares já haviam se reunido para votar a liberação desses recursos, mas, por falta de quórum, a sessão caiu. Na ocasião, embora o governo defenda a abertura do crédito, integrantes de partidos da própria base de apoio ao presidente Michel Temer não compareceram para votar.
Um dia depois, Renan Calheiros enviou uma carta a Temer na qual pediu a ele que editasse uma medida provisória liberando esses recursos, “em face do risco social envolvido”.
Na prática, quando o Executivo edita uma MP, a medida passa a valer como lei por até 120 dias, até que o Congresso a aprove ou a rejeite (se passar desse prazo, perde a validade). De acordo com o Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior (Semesp), o atraso nos repasses do programa chega a R$ 5 bilhões, referentes a cerca de 2 milhões de contratos firmados com 1.358 instituições.
Oficialmente, Temer não chegou a responder à carta. Em pronunciamento à imprensa, na quinta (13), o porta-voz da Presidência, Alexandre Parola, questionado sobre o assunto, limitou-se a dizer que o governo espera a aprovação do crédito nesta semana.
Para a sessão desta terça, há, ainda, a previsão de que deputados e senadores concluam a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias, que traz uma previsão com as receitas e despesas para o ano seguinte e serve de base para a elaboração do Orçamento. O texto principal já foi aprovado, mas ainda falta a análise de sugestões de alteração. (Via: G1)

Inscrições abertas para vestibular 2017.1 da Autarquia Educacional de Serra Talhada (AESET)

Encontram-se abertas, a partir desta segunda-feira (17) e seguem até o dia 04.01.2017, as inscrições para o vestibular 2017.1, da Autarquia Educacional de Serra Talhada (AESET). As vagas são para os cursos de licenciatura: Letras; História; Matemática; Ciências Biológicas e Educação Física e bacharelado: Serviço Social e Psicologia.
As inscrições acontecerão apenas no modo presencial e custa R$ 30,00 (trinta reais), na sede da AESET, na Av. Afonso Magalhães, 380, Centro de Serra Talhada-PE. As provas serão realizadas no dia 08.01.2017.
A AESET tem um corpo docente formado por especialistas, mestres e doutores, é a mantenedora da Faculdade de Ciência Humanas de Serra Talhada (FACHUST), Faculdade de Ciências da Saúde de Serra Talhada (FACISST) e a Faculdade de Formação de Professores de Serra Talhada (FAFOPST), instituição que há 41 anos vem contribuindo para a formação acadêmica da população serratalhadense e de diversas cidades do estado de Pernambuco; além de atender cidades dos estados do Ceará, Paraíba e Bahia.
A Faculdade de Formação de Professores de Serra Talhada (FAFOPST), vem se destacando com um alto índice de aprovação de alunos e ex-alunos nos concursos públicos realizados recentemente.

Engenheiro pernambucano é escolhido “Inventor do Ano” pela Intel

Entre os mais de 95 mil funcionários da Intel – a maior empresa do mundo no setor de semicondutores – um pernambucano de 40 anos ganhou o maior destaque. Carlos Cordeiro, engenheiro chefe e diretor da companhia na área de comunicação wi-fi foi escolhido, em cerimônia interna realizada em setembro no Dolby Theatre, em Los Angeles, o prêmio de Inventor do Ano das mãos do próprio CEO da empresa, Brian Krzanich.
Ou seja, se o Dolby Theatre é o lugar onde acontece a entrega dos prêmios da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood (o popular “Oscar”), e Carlos recebeu o último troféu da noite, das mãos do chefão da empresa, quer dizer que ele ganhou o Oscar de Melhor Filme? “Dá para colocar dessa maneira, sim”, brinca o engenheiro pernambucano.
Mas, ao invés de produzir um longa metragem, Carlos produziu conhecimento. Liderando o time de pesquisa e desenvolvimento na área de comunicação sem fio, ele registrou mais de 200 patentes para a Intel, sendo 65 só no ano passado – e 15 delas consideradas fundamentais, que podem ser utilizadas de modo mais abrangente – fora outras 400 patentes que estão esperando aprovação.
“Uma grande parte do que a gente faz é evoluir a tecnologia, criar novos produtos. Muito provavelmente, o wi-fi que você está usando agora, no seu computador ou smartphone, tem algum elemento que eu desenvolvi aqui. Agora, estou trabalhando no wi-fi que você vai usar daqui a cinco anos. Estamos sempre na ponta da pesquisa”, explica Carlos, que trabalha na Intel há 10 anos, depois de ter passado também pela Phillips e pela IBM.
Foi essa proficiência no desenvolvimento de ideias que rendeu ao pernambucano a premiação. “Já tinha recebido outras gratificações da empresa, mas nunca nesse porte”, reconhece Carlos. Formado em Ciências da Computação pela Universidade Federal de Pernambuco (onde também fez um mestrado), o engenheiro mora nos Estados Unidos desde 2001, quando foi convidado para trabalhar na IBM. “Minha formação na UFPE foi extremamente relevante na minha carreira. Na minha época, como hoje, é um curso de ponta, que além da formação teórica incentiva os alunos a buscar conhecimento e se aprimorarem”, lembra.
Foi na UFPE que Carlos teve seus primeiros contatos com empresas e professores do exterior. “Ainda em 1995, a Sun Microsystems tinha acabado de lançar a linguagem Java e fez um concurso mundial para aplicações feitas com ela. Montei um grupo com dois colegas e ficamos em terceiro lugar. Pouco depois ganhei uma bolsa de estudos do CNPq, ainda estudando na graduação, que me possibilitou terminar meu mestrado com menos de um ano de formado”, conta o engenheiro.
Os estudos publicados nessa época chamaram a atenção de um professor americano, que convidou Carlos para fazer seu doutorado nos EUA. “Quando a IBM me chamou, já tinha esse doutorado em mente. Tanto que entrei na empresa em janeiro de 2001, mas saí logo depois e comecei o doutorado em setembro do mesmo ano. Em menos de dois anos e meio concluí a formação, surpreendendo muitas pessoas da universidade”, completa.
Foi no doutorado em Engenharia da Computação que Carlos iniciou seus estudos em comunicação sem fio, que o levaram ao time de desenvolvimento de wi-fi na Intel alguns anos depois. “A empresa não é reconhecida por esse lado – é mais famosa pelos chips e processadores – mas comunicação sem fio é um setor bem grande aqui. Além de produtos em si, desenvolvemos muito conhecimento na forma de patentes”, conta o engenheiro.
O processo de se patentear uma ideia ou invenção é muitos mais simples (e incentivado) nos EUA do que no Brasil. “O modelo de negócios de algumas companhias se baseia só nisso. A Qualcomm (uma das maiores empresas do setor de semicondutores, e rival da Intel), por exemplo, tem no licenciamento de patentes quase metade do faturamento dela. Em outras empresas, isso chega a 100%”, afirma Carlos.
A cultura de empreendedorismo individual na criação de patentes nos EUA também é igualmente forte. O engenheiro pernambucano conta que muitas empresas são especializadas em comprar parte dos direitos das idéias criadas por pessoas comuns, patentear, vender e embolsar os lucros.
“Muitas empresas aqui dão, inclusive, uma bonificação financeira para quem desenvolve mais patentes. Eu, por outro lado, sempre fiz isso pelo prazer de inventar, de saber que uma coisa que eu criei está melhorando a vida de alguém, e que todo mundo usa. Mas claro que a parte da bonificação também é boa”, afirma.
Do NE10

Presos promovem lutas MMA em presídio

 
Vídeos gravados dentro de penitenciárias de Pernambuco mostram como os presos mandam nas unidades do estado. O mais recente mostra uma luta de MMA no estilo UFC dentro do Conjunto de Presídios do Curado. Uma imensa plateia formada por detentos acompanha e vibra com dois presos lutando no meio do pátio.
Nenhum agente penitenciário aparece para acabar com a farra. A reportagem especial do Fantástico mostra também outras imagens de desmandos: presos armados com facões, brigando e falando ao celular e até detentos que gravaram vídeo pedindo voto para um candidato.

Menino se mata para cumprir desafio na internet. Amigos assistem ao vivo pela webcam!

Gustavo Detter tinha 13 anos (Foto: Arquivo Pessoal)
Um garoto de 13 anos morreu menos de 24 horas depois de ser encontrado dentro do quarto do pai enrolado com uma corda no pescoço diante de um computador. A suspeita da família é que o incidente tenha relação com o desafio de um jogo online do qual Gustavo Riveiros Detter brincava com amigos e acabou perdendo.
Após o próprio enforcamento com uma corda que sustentava um saco de boxe no teto, o estudante, que estava em São Vicente, no litoral de São Paulo, chegou a ser socorrido com vida para um hospital da cidade ainda na noite de sábado (15), mas morreu neste domingo (16).
Um tio materno da vítima disse ter colhido informações sobre a morte do garoto e relatou, no boletim de ocorrência, que o sobrinho brincava online com outros três colegas quando aconteceu o enforcamento. A cena teria sido acompanhada em tempo real pelos outros participantes do jogo, já que todos usavam a internet com uma webcam conectada para se comunicar durante as partidas.
De acordo com as conversas obtidas pelo parente em aplicativos de mensagem e no próprio computador usado por Gustavo, essa não seria a primeira vez que o estudante teria participado de um suposto desafio. Um dos jogadores escreveu em uma das conversas que achava que o 'Detter' (sobrenome da vítima) tinha ido se enforcar de novo.
Pela transmissão ao vivo da webcam, os colegas perceberam que a vítima parecia estar "desfalecida" e pediram para que uma prima que estava no quarto ao lado de Gustavo fosse verificar.
Assustada, a garota chamou os tios, que conseguiram reanimar Gustavo. Em seguida, por volta das 22h40, os familiares chamaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para levá-lo até o Hospital Municipal de São Vicente.
Já na manhã do último domingo, Gustavo foi transferido por volta das 5h30 para o Hospital Ana Costa, em Santos. A morte dele foi confirmada poucas horas depois. Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, o tio de Gustavo, que registrou o caso na delegacia, acredita na hipótese de que os demais jogadores tenham induzido o sobrinho ao fato e alerta para o perigo dos jogos online.
O caso foi registrado no 7º DP de Santos, mas será investigado pela Delegacia Sede de São Vicente.
Caso será investigado pela Delegacia Sede de São Vicente 
Caso sério
Há alguns anos, algumas escolas do país começaram a alertar os pais para uma prática perigosa que os adolescentes têm feito até mesmo dentro das salas de aula. É o chamado "jogo do desmaio" ou Choking Game.
Vários vídeos de jovens se espalharam pela internet exibindo uma "brincadeira" que pode levar à morte já que os movimentos têm por objetivo diminuir a quantidade de sangue no cérebro.
Na queda podem ocorrer lesões pelo corpo e até traumatismo craniano. Se existir alguma pré-disposição, o adolescente pode sofrer uma parada cardíaca e a falta de oxigênio no cérebro pode deixar sequelas graves, para o resto da vida.

CAIXA E BB AGORA TÊM JUROS MAIS ALTOS DO QUE BANCOS PRIVADOS (2)

A política de manter os bancos públicos com taxas de juros mais baixas, adotada pelos governos de Lula e Dilma, foi deixada para trás com Michel Temer. Em algumas linhas de crédito, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal passaram a cobrar mais caro para fazer frente à crise e aumentar a rentabilidade, diz reportagem do Estado de S.Paulo.
“Bancos públicos foram na contramão da concorrência e ajustaram gradualmente o juro cobrado dos clientes nos últimos meses. O movimento foi suficiente para mudar radicalmente o ranking do crédito do Banco Central. Se no passado recente Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal operavam os juros mais baixos, agora as duas instituições já cobram algumas das maiores taxas. Entre os cinco grandes, o BB tem o maior juro no financiamento de veículos e a Caixa opera o segundo maior no crédito rotativo do cartão de crédito.
Após o estouro da crise em 2008, bancos estatais foram protagonistas quando os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff incentivaram o consumo via queda de juros. O plano, porém, mudou. No ano passado – ainda no governo Dilma – os dois bancos federais começaram a elevar lentamente os juros em reação à subida da taxa Selic e diante de necessidade de melhorar a estrutura de capital, como revelou o Estado no início do ano.
Com a chegada de Michel Temer ao Palácio do Planalto, o movimento ganhou velocidade. Em maio, o peemedebista indicou Paulo Caffarelli para a presidência do BB e Gilberto Occhi para a Caixa. Sob o novo comando, os dois bancos adotaram o discurso de recompor receitas para recuperar a rentabilidade perdida nos anos de ação mais agressiva. Pouco mais de quatro meses com a nova chefia e as instituições já exibem juros bem próximos dos concorrentes. Às vezes, até maiores.” (247)

MUDANÇAS NO CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO – CTB

A partir de novembro entra em vigor no Brasil a Lei 13.281/2016, que altera as Leis 9.503/1997 (Código de Trânsito Brasileiro), tendo entre algumas das mudanças, a modificação nos valores de multas, nos limites de velocidades para alguns veículos e a inclusão de novas infrações de trânsito.
As alterações foram publicadas no dia 5 de maio de 2016 no Diário Oficial da União. “Essas mudanças foram amplamente discutidas e sem dúvida, chega para modernizar as normas visando garantir ainda mais segurança em nossas estradas e rodovias”, defende o diretor presidente do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco, Charles Ribeiro.
Valores de Multas
Como as infrações são tratadas em valores reais, desde a extinção Unidade Fiscal de Referência (UFIR), foram reajustadas todas as naturezas, sendo elas: Infração Leve – de R$ 53,20 para R$ 88,38; Infração Média – de R$ 85,13 para 130,16; Infração Grave – de 127,69 para R$ 195, 23 e Infração Gravíssima – de R$ 191,54 para R$ 293,47, ambas com reajuste anual pelo índice de infração.
Agora, a partir dessa data, as multas estarão ainda sujeitas a cobrança de juros que incidirão baseados na taxa do Sistema Especial de Liquidação e de Custódia (Selic) para títulos federais, acumulados mensalmente e contados a partir do mês subsequente ao da consolidação da multa (depois de esgotadas as possibilidades de recurso) e até o mês anterior ao do pagamento. Também será cobrado em cima desse valor 1% relativamente ao mês em que o pagamento estiver sendo efetuado.
Continuará valendo o abatimento de 20% do valor para quem pagar a multa antes do vencimento. Haverá ainda a possibilidade de abatimento de 40% do valor desde que o cidadão opte por ser notificado por meio de sistema eletrônico (projeto da Caixa Postal Eletrônica, a ser implementado pelo DENATRAN) e, ao mesmo tempo, opte por não apresentar defesa prévia nem recurso, reconhecendo o cometimento da infração.
Velocidade
Levando em consideração a não existência de sinalização regulamentadora a velocidade máxima cumpre alguns parâmetros e nessa nova mudança seguem os mesmo valores nas vias urbanas. Já nas vias rurais, os parâmetros mudaram, ficando os seguintes: Nas rodovias de pista dupla 110 km/h para automóveis, camionetas e motocicletas e 90 km/h para os demais veículos. Já nas rodovias de pista simples, a máxima passou a ser de 100 km/h para automóveis, camionetas e motocicletas e 90 km/h para os demais veículos e nas estradas passou a ser 60 km/h. As infrações continuam as mesmas, apenas considerando o reajuste aplicável.
Suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH)
O processo de suspensão do direito de dirigir para as infrações que preveem de forma especifica a penalidade de suspensão será instaurado simultaneamente com o processo de aplicação da penalidade de multa, tornando o processo mais célere em apenas três fases. A partir de novembro, todos os órgãos do Sistema Nacional de Trânsito dentro de sua circunscrição poderão aplicar a penalidade de suspensão concomitante com a de multa. Quanto ao período que o infrator passará com a CNH suspensa variará entre seis e 18 meses, excluindo os casos envolvendo reincidência.
Multas
– Alcoolemia
Independentemente de apresentar sinais de alteração da capacidade psicomotora, a simples recusa do condutor do veículo a fazer qualquer um dos procedimentos que permitam certificar o seu estado, dentre estes, o teste no aparelho destinado a medição do teor alcoólico (etilômetro conhecido como bafômetro), será motivo de multa e suspensão do direito de dirigir por 12 meses. Essa infração de natureza gravíssima tem o valor multiplicado por 10, cuja penalidade de multa corresponde a R$ 2.934,70. Na hipótese de reincidência no período de 12 meses, o valor da multa será cobrado em dobro, correspondendo a R$ 5.869,40.
Nas operações de fiscalização a recusa implicará no recolhimento do documento de habilitação e retenção do veículo. Neste caso, a não apresentação de outro condutor devidamente habilitado para assumir a direção acarretará na remoção do veículo a depósito. A regra valerá não somente para a recusa de fazer testes que certifiquem o uso de álcool, mas também de outras substâncias psicoativas.
– Documento
A infração “dirigir veículo sem possuir Carteira Nacional de Habilitação ou Permissão para Dirigir, com ambas cassadas ou suspensas ou ainda com categoria diferente do veículo que esteja conduzindo”, passou a incluir também a Autorização para Conduzir Ciclomotor e a ter como penalidade apenas a multa, ante a apreensão do veículo. Já como medidas administrativas, ambas ocasionam a retenção do veículo até a apresentação de um novo condutor habilitado conforme a legislação e ainda tiveram mudança de valores conforme a tabela.
– Estacionamento
Agora “Estacionar o veículo nas vagas reservadas às pessoas com deficiência ou idosos, sem credencial que comprove tal condição” é tratada de forma especifica, passando a ser infração gravíssima (7 pontos na CNH) com penalidade de multa no valor de R$ 293,47, além da medida administrativa de remoção do veiculo.
– Celular
A infração de dirigir veículo utilizando-se de fones nos ouvidos conectados a aparelhagem sonora ou de telefone celular (Infração média 4 pontos – R$ 130,16) foi ampliada para contemplar, também, dirigir o veículo com apenas uma das mãos no caso do condutor estiver segurando ou manuseando telefone celular, caracterizando-se como infração gravíssima (7 pontos na CNH ) com penalidade de multa no valor de R$ 293,47.
– Bloqueios de vias
A infração “Usar qualquer veículo para, deliberadamente, interromper, restringir ou perturbar a circulação na via sem autorização do órgão ou entidade de trânsito com circunscrição sobre ela” permanece sendo infração gravíssima com 7 pontos na CNH, porém, sofrerá mudanças no fator multiplicador de trinta vezes para vinte vezes, ficando o valor da penalidade de multa de R$ 5.869,40 com suspensão do direito de dirigir, prevendo também, apenas a medida administrativa de remoção do veículo.
Já para os organizadores da conduta, o multiplicador a penalidade de multa será agravada em sessenta vezes, com valor correspondente a R$ 17.608,20. Para o caso de reincidência no período de 12 meses, aplica-se a penalidade de multa em dobro.

Sem receber há cinco meses, funcionários da Prefeitura de Princesa acampam em frente ao Forum

 
Funcionários da prefeitura de Princesa Isabel, com salários atrasados em até 5 meses, acamparam hoje em frente ao Fórum dr. Antonio Nominando Diniz, esperando ser recebidos pelo juiz da 1a. Vara, Michel Rodrigues de Amorim, julgador da Ação Civil Pública que pede o bloqueio de contas do órgão municipal, pra quitação dos vencimentos de servidores efetivos, comissionados, aposentados e pensionistas.
Até o momento não se sabe se o magistrado recebeu os manifestantes ou se mandou bloquear o dinheiro da Prefeitura.

Lei por dirigir sem o documento do veículo muda em novembro

Além de alterar os limites de velocidade em estradas e rodovias e os valores das multas, a lei Nº 13.281, que entra em vigor a partir do dia 1º de novembro, determina que rodar sem o documento do veículo não necessariamente renderá uma multa ao proprietário.
Segundo o artigo 133, o porte do documento do veículo, o Certificado de Licenciamento Anual, "será dispensado quando, no momento da fiscalização, for possível ter acesso ao devido sistema informatizado para verificar se o veículo está licenciado". Sendo assim, o proprietário acabaria sendo punido se, por qualquer razão, o sistema estiver fora do ar ou o fiscal que fizer a abordagem não conseguir acessá-lo.
Vale lembrar que isso não isenta a obrigatoriedade de portar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) válida. Dirigir sem estar com a CNH ou o documento do veículo é infração leve, sujeita a multa de R$ 53,20 e mais três pontos na habilitação, além de o veículo ficar retido no local até a apresentação dos mesmos. Contudo, dirigir sem possuir CNH ou com o documento suspenso é infração gravíssima, com multa de R$ 191,54 e sete pontos na CNH. Os valores citados acima serão reajustados a partir de 1 de novembro.