PREFEITURA DE CARNAÍBA

Afinal, o que é o Spinner, a febre do momento

O nome oficial dele é fidget spinner, mas ele é normalmente chamado apenas pelo segundo nome, ou de hand spinner. Se trata de um brinquedo giratório voltado originalmente para crianças e adolescentes que foi anunciado como algo que ajuda pessoas que tem dificuldade de se concentrar ou inquietas, ou até quem é diagnosticado com Transtorno de Atenção (TDA), autismo ou ansiedade. O spinner agiria como um mecanismo de liberação de energia nervosa ou estresse. O brinquedo caiu nas graças dos brasileiros e até celebridades, como o ex-jogador Ronaldinho Gaúcho, postam nas redes sociais interações com o brinquedo.
Porém, se engana quem pensa que eles são novos. O brinquedo foi inventado em 1990 e retomaram a popularidade – aumentada pela internet – em 2017, quando foram repaginados. Ele começou a ser utilizado por crianças durante atividades escolares, o que resultou na proibição do brinquedo em algumas instituições, sob o argumento de que ele se torna uma distração (uma ironia para o equipamento apontado como auxílio para quem tem dificuldade de concentração). Outras escolas permitem que os spinners sejam usados discretamente, para ajudar as crianças.
De acordo com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), porém, ele não deve ser usado por crianças menores de 6 anos, por conter peças que podem ser engolidas. O Instituto pede ainda que os pais prestem atenção se as embalagens têm o selo do Inmetro, já que o spinner passou a ser alvo de fiscalização recentemente.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

0 comentários: