Momento Cívico marca comemoração dos 56 anos de Emancipação Política de Iguaracy. Conheça um pouco da história da cidade.

A festa de emancipação política de Iguaracy foi um sucesso. Durante todo o dia desta sexta-feira (20), diversos eventos foram realizados para comemorar os 56 anos da cidade, entre eles atividade religiosa, esportiva, apresentação da frota de veículos, feira, corte do bolo, queima de fogos, momento cultural, etc. O público compareceu em bom número para celebrar a data.
Na manhã do dia 20 ainda aconteceu o momento cívico com apresentação de bandas marciais das escolas públicas e hasteamento dos pavilhões.
Como o acontecimento marcou a passagem dos 56 anos de Emancipação Política do município, o blog desta vez quebra o protocolo para falar um pouco da história de Iguaracy. Veja matéria: 
................
As terras que hoje formam o município de Iguaraci, compunham primitivamente o de Afogados da Ingaseira e eram denominadas como "Logrador", em virtude de para lá, os moradores da região levarem seus animais para pastar. O "Logrador", pertencia ao senhor Antônio Rabelo Sonzzone, onde por volta da ano de 1911, lá foi construída uma casa de taipa pelo senhor Manoel Bezerra de Melo, tendo aí fixado residência. Esta área no ano de 1912, foi doada à Igreja, para a formação do Patrimônio de São Sebastião, pelo senhor Antônio Rabelo, tendo, logo em seguida, o Padre Carlos Cottart, vigário de Afogados da Ingazeira, construído uma casa, onde era celebrada a Missa. Atraídos pelo culto religioso, várias pessoas para lá se deslocaram, e logo foi erguida uma latada perto da "casa do Padre", para vender carne, e no ano de 1913, já um pequeno aglomerado, o senhor João Barbosa inaugurou uma casa comercial.
Com a ajuda dos moradores, o Padre Carlos Cottat construiu a atual Igreja, dedicada ao culto de São Sebastião, no ano de 1914, surgindo assim, o povoado, que recebeu o nome de "MACACOS" , em homenagem a uma família com esses nome, que residia nas imediações do povoado.
Temendo problemas futuros, o senhor Sebastião Alves da Silva, que era representante da Vila de Macacos junto à Camara Municipal de Afogados da Ingazeira, consegui que o seu nome fosse mudado para IGUARACÍ, nome que permanece até os dias atuais.
Mais tarde, a Lei Estadual nº 4.954 , de 20 de dezembro de 1963 , desmembrou de Afogados da Ingazeira os distritos de Iguaraci, Jabitacá e Irajaí, para formar o novo município de Iguaracy (ex-Iguaraci), cuja grafia foi alterada por essa mesma lei. 
................
Após o hasteamento dos pavilhões, o Prefeito Zeinha Torres aproveitou o momento para agradecer a participação de todos na comemoração e ressaltou algumas conquistas da gestão. Quem ainda esteve participando com a sua fala e prestigiando o momento, foi o médico querido do povo, o vice-prefeito Dr. Pedro Alves.
Veja imagens deste belo momento: