https://www.facebook.com/pg/saudeiguaracy/posts/?ref=page_internal

Brasil apresenta queda em taxa de transmissão por três semanas seguidas, segundo estudo


Após cerca de sete meses em situação de pandemia em razão do novo coronavírus, a taxa de transmissão aqui no Brasil se manteve abaixo de 1 por três semanas seguidas, de acordo com o estudo do Imperial College London. Ainda conforme o estudo, o índice de 0,93 aponta desaceleração no contágio da Covid-19, ou seja, a cada grupo de 100 pacientes com coronavírus, outras 93 são infectadas.
Para chegar a essa conclusão, os dados levam em conta a estimativa média de mortes na comparação das duas semanas. Segundo o G1, a taxa pode ser maior (até ritmo de contágio = 1,01) ou menor (até ritmo de contágio = 0,83).
Além disso, o Imperial College London reitera que as autoridades brasileiras têm revisado os números e reforça a cautela na análise dos índices do Brasil.
Em agosto, a taxa de transmissão do novo coronavírus no país caiu pela primeira vez para valores abaixo de Rt = 1.