PE: Homem morre após perder mãe e dois irmãos para a Covid; as quatro mortes ocorreram em menos de um mês

Morreu nesta última sexta-feira (2), vítima da Covid-19, o motorista Adeílton Ferreira, membro de uma família em que três pessoas já haviam falecido no intervalo de 23 dias por causa da doença, no mês passado. Além dele, morreram a mãe e dois irmãos, todos moradores de Macaparana, na Zona Norte de Pernambuco.
A primeira morte foi de Allef, de 25 anos, que aconteceu em 7 de março. No dia 20 do mesmo mês, faleceu o irmão dele, Ademilson, de 34 anos. Na terça-feira (30), morreu a mãe dos rapazes, Maria Áurea Oliveira, de 67 anos. Adeílton, de 39 anos, era o irmão mais velho.
"Ele estava internado no Hospital do Tricentenário [em Olinda], porque ficou com falta de ar e precisou ser intubado. O enterro deve acontecer às 15h", afirmou a esposa de Adeílton, Adriana Cleuza Ferreira.
O sepultamento de Adeílton ocorrerá no Cemitério Espaço Comum da Paz, em Macaparana. Distante 121 quilômetros da capital pernambucana, a cidade tem cerca de 25 mil habitantes e nenhuma UTI para Covid. No município, até a sexta-feira (3), foram registrados 817 casos e 14 mortes.
Adeílton deixa, além da esposa, dois filhos, um de 15 anos e outro de 4. As mortes aconteceram sem que os parentes pudessem receber a informação sobre o outro, já que estavam todos intubados quando ocorreram os óbitos.
Segundo Adriana, o marido contraiu o novo coronavírus com a mãe, que dever te pego a doença com os outros dois filhos.
“Eles eram muito ligados. Um dia, a mãe, que deve ter pego a doença com os outros dois filhos, passou mal e meu marido foi prestar o socorro. Foi quando ele se infectou", disse.
Pandemia em Pernambuco
Pernambuco confirmou, neste sábado (3), mais 985 casos de Covid-19 e 54 novas mortes de pacientes que estavam com a doença. Com os novos registros, o total de pacientes infectados subiu para 354.982 e o de mortos, para 12.349. As primeiras confirmações ocorreram em março de 2020. (Via: G1 PE)