Vacinação contra febre aftosa é prorrogada até 16 de julho em Pernambuco

A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro) estendeu, até o dia 16 de julho, o prazo para aquisição e aplicação da vacina contra a febre aftosa no rebanho de bovinos e bubalinos. Os produtores pernambucanos têm, obrigatoriamente, que declarar a vacina até 31 de julho.
“A falta de imunizantes atrasou o ritmo de vacinação não só em Pernambuco como em diversos estados brasileiros, que também estão prorrogando a campanha. Fizemos um mapeamento que constatou a ausência de vacinas nas casas agropecuárias e encaminhamos o levantamento e a solicitação de remanejamento ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)”, explicou o presidente da Adagro, Paulo Roberto Lima. A Adagro é uma autarquia vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA),