Covid-19: Itapetim confirma circulação da variante P1

Variante é mais contagiosa e se espalhou rapidamente pelo Brasil

Por André Luis – Com informações da AFP
A Prefeitura de Itapetim, alertou, na tarde desta quinta-feira (11), através de comunicado em suas redes sociais a comprovação da circulação da variante P1 no município.
Segundo o comunicado, a comprovação se deu após sequenciamento genético de um caso de Covid-19 na cidade.
“Foi confirmado pelo Laboratório Evandro Chagas, do Pará, a circulação da variante P1 do novo coronavírus, mais conhecida como variante do Amazonas, no nosso Município”, informou a Prefeitura.
A P1 é uma variante mais contagiosa e que se espalhou bem rapidamente pelo Brasil. Ela surgiu em dezembro passado na cidade de Manaus, capital do Amazonas, mas só foi identificada como variante em janeiro no Japão, em viajantes que voltaram da região amazônica.
Assim como a variante sul-africana, a P1 tem a mutação E484K, que poderia gerar mais reinfecções do que outras cepas, segundo alguns estudos, porque demanda mais anticorpos para resistir ao vírus.
Além disso, tem muitas variações na proteína Spike, através da qual o vírus entra nas células para infectá-las.
“É como se tivesse uma chave-mestra que abrisse várias portas ao mesmo tempo”, observa Jesem Orellana, pesquisador do Instituto Leônidas & Maria Deane Amazônia).
“Do ponto de vista epidemiológico, parece ainda mais claro que é mais propensa a causar desestabilização em cenários com pouco controle da circulação viral, causando problemas médicos hospitalares, principalmente em relação à estrutura de superlotação dos hospitais”, como aconteceu em Manaus, onde dezenas de pessoas morreram em janeiro devido à falta de oxigênio.

ANÚNCIOS WEB SERTÃO - (87) 98821-5232