Mostrando postagens de Junho 6, 2013Mostrar tudo

ATENÇÃO: INCRIÇÕES PARA O PRÓXIMO PERÍODO SÓ É ATÉ O PRÓXIMO DIA 10 DE JUNHO


CONVOCADO PARA DAR ESCLARECIMENTO SOBRE O TRANSPORTE DE ESTUDANTES QUE ESTUDAM EM OUTROS MUNICÍPIOS, PREFEITO DESSOLES DIZ QUE NÃO VAI FAZER DISCURSO DEMAGÓGICO PARA NA PRATICA NÃO CUMPRIR, COMO ACONTECEU NA ADMINISTRAÇÃO PASSADA

Eu estou aqui porque fui convocado e também consta na ata conforme foi lido, que o prefeito deveria até com as palavras bem fortes da vereadora Odete, que “o prefeito tem que vir aqui” e eu estou aqui, o prefeito realmente é empregado do povo e os vereadores realmente estão no seu direito de convocar, até porque é muito mais fácil criticar o prefeito do que elogiar, e aqui pela ata, agente ver claramente isso, que 90% dos comentários são criticas ao governo municipal, e agente, de vez em quando tem que usar esta tribuna que é da casa do povo, para esclarecer, para não ficar só levando pancada, pancada e pancada... Às vezes, a população pode entender que o prefeito ta só dormindo.

Especificamente a respeito deste projeto de lei, primeiro eu vi comentário do vereador Zeinha, que foi eleito pelo PR, mas tem o seu direito de criticar, de que “muitas” prefeituras pagavam os 100%! Eu até sugeria que o nobre vereador declinasse o nome dessas prefeituras, porque aqui na redondeza eu não conheço “muitas” prefeituras que pague os 100% com transporte de estudante.

Na prefeitura de Iguaracy, que é o nosso parâmetro maior, encontrei registrado contabilmente, apenas uma viagem, se eu não me engane de Serra Talhada, as outras não estão registradas, o que dá a entender, que eram pagas com o dinheiro do transporte escolar, e isso eu confesso aos senhores vereadores que não vou fazer, porque é ilegal!

Estou gastando mensalmente com 50% do custeio deste transporte, exatamente 7.294,44 reais, pagando estudantes de Custódia, Arcoverde, Sertânia, Monteiro, Ibimirim que está sendo feito com transporte

PREFEITO CONVOCADO DIZ QUE NÃO FOGE AO DEBATE E PARTE PARA O CONFRONTO DE IDÉIAS:


Quero dizer que não reclamei em nenhum momento em ser criticado, estou acostumado com o debate democrático desde menino, desde que pratiquei política estudantil que estou acostumado ao debate, até quando eu tiver cabeça para pensar e voz para debater, não vou fugir do debate; Também não é o problema de afronta, é de confronto, porque aqui se trata de uma casa também política, se existe critica agente também tem que se defender, como pode o prefeito ficar sofrendo criticas aqui na câmara e nas ruas da cidade sem ter o direito de também  se defender ? Não é questão de afronta como diz o nobre vereador Zeinha, é questão de confronto de idéias, não é questão de medo e nem de braveza. Enquanto vossa excelência tiver o direito de criticar, eu também quero ter o meu direito de me defender, é o

PREFEITO DIZ QUE RECEBEU PREFEITURA QUEBRADA E FALA SOBRE A GRANDE DIFICULDADE EM COLOCAR O MUNICÍPIO COM AS CONTAS EM DIA NOVAMENTE

A respeito dos débitos que aqui foram contestados pelo nobre Vereador Fabio Torres quando indagou quais seriam estes débitos, digo a vossa excelência senhor vereador, que para citar apenas os débitos escritos sem restos a pagar, que são aqueles débitos que o governo colocou no balanço e na prestação de contas como contas que eles tinham como certos para pagar, porém sem recursos, o que afronta a Lei de Responsabilidade Fiscal. Estes débitos somam, 417.563,19, e se nós fossemos pelas as anotações que encontramos no próprio gabinete do prefeito, estes débitos somaria mais de 600 mil reais. Não tenho falado nisso em nenhum meio de comunicação, estou aqui cumprindo um dever porque fui convocado pela Câmara, estou aqui informando que nós temos 417.563,19 de débitos escritos em restos a pagar sem cobertura e isso vossa excelência pode consultar a prestação de conta de 2012, porque esta cifra vai bater com a que vossa excelência vai encontrar lá.

Agora, tenho a dizer a vossas excelências, que deste total a prefeitura já pagou 301.387,04, para vossas excelências terem uma idéia, isto significa mais de uma folha de pagamento deste município, é como se

Saia justa na câmara: Quem fala o que quer...

Uma das saias justas que mais chamou a atenção na reunião da Câmara, que teve por objetivo dar um pasmo no prefeito, foi quando um nobre vereador, querendo aliviar um pouco a barra do ex-prefeito o qual apoiou, disse que já era uma prática normal, prefeitos entregarem os municípios com saldo devedor, onde aproveitando o ensejo, esperando pegar o prefeito de calça curtas, o vereador deu a tacada: E o senhor prefeito, quando o senhor entregou a prefeitura não ficou nem um débito a pagar?

Esperando uma resposta aderente, para surpresa sua, o vereador teve que tragar a má resposta dada pelo gestor que tacou de lá: O valor foi de mais de 150 mil reais, porém em saldo positivo e não negativo, sem contar os 28 mil reais deixados para dar entrada na ambulância que ainda ia ser comprada, e que custou 42 mil reais, mas que 28 mil eu já deixei no caixa para dar de entrada...

E disse ainda com a boca bem pesada: Se vossa excelência tiver ainda alguma dúvida, então que procure o contador da câmara, porque eu não sou contador e nem vossa excelência é, pode pegar as contas de 2008 que suas dúvidas serão devidamente sanadas!