Grupo de jovens se reúne para ver eclipse lunar em Iguaracy: Fenômeno só voltará a acontecer em 2033


O professor Márcio Rogério e o Técnico em Saneamento, Hugo Marques, que promoveu o encontro, são verdadeiros amantes da astronomia.
Enquanto muita gente estava dormindo na noite deste domingo (27), a lua dava um espetáculo no céu. O eclipse total da Lua pôde ser observado durante mais de uma hora, das 23h11 até 0h23 (horário de Brasília), do continente americano até o Oriente Médio. O astro, que não produz luz própria e aproveita a que recebe do Sol, esteve alinhado com o Sol e a Terra.

Foi preciso um sistema de revesamento para observação via telescópio
Muita gente acompanhou o fenômeno. Jovens iguaracienses se reuniram em frente à Secretaria de Desenvolvimento (Centro) para acompanhar o fenômeno. Não era preciso nenhum instrumento para ver o eclipse, mas com a ajuda de um telescópio, o espetáculo no céu ficou ainda mais interessante.
Foto de Hugo Marques
Ainda no início da noite a lua estava mais brilhante e já chamava a atenção. Às 23h, o eclipse começou. A lua ficou na sombra da terra e aos poucos foi ganhando um tom avermelhado. Os admiradores que conseguiram contemplá-la foram presenteados com um espetáculo da natureza.
(Foto reprodução: Estágios do eclipse lunar - G1)
Em seu ponto mais próximo da Terra e em fase cheia, a Lua parece maior e mais luminosa, por isso é chamada de Superlua. Além disso, o eclipse total fez com ela ficasse vermelha, um fenômeno magnífico que só voltará a acontecer em 2033. (Veja mais imagens clicando abaixo)


ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO GOVERNO DE IGUARACY