Mostrando postagens de Outubro 24, 2015Mostrar tudo

Governo de Iguaracy realiza encerramento da 2ª Semana do Bebê: Evento contou com a participação especial da “Bebê Prefeita”, a primeira criança a nascer durante a última semana, que recebeu o título oficialmente

Prefeito entrega chave da cidade
O Governo Municipal de Iguaracy encerrou na manhã da última sexta, dia 23 de Outubro, a 2ª Edição da Semana do Bebê no Município, com uma série de atividades na Quadra da Escola Municipal Dr. Diomedes Gomes Lopes.
O evento contou com presença do Prefeito Francisco Dessoles, do vereador Amaury Torres, dos secretários Williams Siqueira (Educação), Socorro Martins (Desenvolvimento e Assistência Social) e Laura Véras (Saúde), além de servidores, professores, alunos e pessoas da comunidade.
A Semana do Bebê foi realizada no período de 19 à 23 de outubro pelo Governo Municipal, por meio das secretarias de Saúde, Educação, Assistência Social, e de Cultura, Esportes e Turismo, em parceria com o Unicef.  Na ocasião desta sexta, os órgãos se uniram e abrilhantaram ainda mais a festa para as crianças com decoração especial, brincadeiras e brindes.
Tudo teve início na Praça Antônio Rabelo com a concentração de professores, secretários, servidores, crianças da educação infantil e a população. Em seguida, os participantes saíram em passeata com a bebê prefeita pelas principais ruas da cidade. A passeata culminou na Escola Diomedes, onde foi realizada a solenidade de encerramento da Semana.
O Prefeito Dessoles falou aos presentes, parabenizando todas as secretarias que apoiaram as atividades, os coordenadores, diretores e professores das escolas municipais pela dedicação e todas as mães e pais pelo efetivo apoio às atividades. Antes da entrega do título, o prefeito também direcionou suas palavras à mãe da criança homenageada e falou da satisfação em estar participando do momento.
O compromisso de cuidar da primeira infância do Município é um compromisso pessoal do gestor, que se preocupa com as crianças, e também do Governo Municipal, que trabalha para evoluir cada vez mais e melhorar a qualidade de vida de seus cidadãos.
A pequena Anna Júlia Nunes Cavalcante, residente no centro da cidade, foi o primeiro bebê que nasceu por parto normal durante a semana comemorativa, e foi intitulada como “Bebê Prefeita”. No colo de sua mãe, a criança recebeu a chave da cidade, o certificado de título assinado pelo gestor e um kit enxoval das mãos do prefeito Francisco Dessoles e dos secretários municipais, além de outros presentes.
Anna Júlia é filha de Agnes (À esquerda) e de Juliano, que não pode estar presente
Toda criança homenageada, de acordo as estratégias de saúde, deve nascer de parto normal, assim como foi a Anna Júlia. Muitas pessoas pensam que o parto humanizado é uma modalidade, um tipo de parto, mas na verdade representa uma série de ações que visam garantir um pré e um pós-parto bem feito. 
O objetivo é que o parto seja o mais adequado possível para a mãe, e na pós-gestação, tanto ela como a criança, tenham a garantia de saúde, além de todos os outros serviços públicos que a Prefeitura possa oferecer. A responsabilidade da gestão é garantir todos os serviços necessários para garantir a saúde, a educação e as condições dignas de vida para as famílias de nossa cidade.
A banda filarmônica Poeta Heleno Louro teve participação especial no evento. Sob o comando de seu maestro regente, os jovens músicos encantaram a todos ao tocar. A banda composta por jovens iguaracienses e é mantida pelo Governo de Iguaracy, através da Secretaria de Cultura.
A Semana do Bebê foi realizada de 19 a 23 de outubro com atividades em colégios, postos de saúde, e nas secretarias. Foram realizadas palestras, mesas redondas, exercícios práticos de promoção à saúde, oficinas culturais, oficinas sobre políticas públicas em saúde, educação e assistência social envolvendo mães, gestantes, crianças e adolescentes, dentre outras ações em todo o Município.
Manhã de festa, brinquedos e diversão
O ato além de celebrar a realização da programação completa da 2ª Semana do Bebê, reafirmou a importância da responsabilidade de todos diante da primeira infância (faixa etária entre 0 a 6 anos). Parabéns a todos os envolvidos.
Para ver todas as imagens CLIQUE ABAIXO

Vereador diz que só depende do Dnocs para que cidades do Pajeú recebam água do Rio São Francisco ainda este mês

Em razão do baixo volume das água do maior reservatório para distribuição do precioso líquido à população – Barragem do Rosário – mesmo sozinho na maioria das vezes, reunimos esforços junto à Diretoria da Compesa, Dnocs, deputados Estadual e Federal, vice-governador e o próprio Governador para que a energização das Estações Elevatórias de Afogados da Ingazeira e Tabira fossem concluídas.
Mesmo com o atraso previsto no cronograma inicial, a Estação Elevatória de Riacho do Meio não ficando pronta, até dezembro de 2015, o Ramal da Adutora do Pajeú de Tuparetama conseguirá abastecer São José do Egito, Iguaracy, Ingazeira e Tuparetama, aliviando, inclusive, a situação via pipas para Itapetim e Brejinho.
A Compesa assumiu a energização, cumpriu rigorosamente e agora só resta ao Dnocs a sua parte nas ações para que a população das cidades de Tuparetama, São José do Egito, Iguaracy e Ingazeira recebam água do velho Chico ainda este mês, via testes na rede Adutora. Mais é preciso intensificar os serviços, não medir esforços, trabalhar dia-e-noite. O povo está com sede.
É crítica a situação em relação ao abastecimento de água na região, mas, crítico mesmo é o silêncio de alguns políticos sobre o problema.
Joel Gomes Pessôa é Vereador em Tuparetama / Foto  - Tárcio

Com Sobradinho em pouco mais de 5% de sua capacidade total ANA deve autorizar nova redução da vazão do Rio São Francisco na próxima semana

ilhotas barragem sobradinho 2
Com o nível do Lago de Sobradinho (BA) ainda mais baixo, a Agência Nacional de Águas (ANA) deve autorizar a redução da vazão do Rio São Francisco. Uma reunião na próxima terça-feira (27), a partir das 9h, na sede da agência em Brasília (DF), vai avaliar as condições de operação de reservatórios do São Francisco.
Desde abril de 2013, o sistema elétrico tem feito pedidos recorrentes para manter o controle da vazão do manancial, a fim de garantir a geração de energia elétrica. No período, a vazão do rio foi reduzida paulatinamente, de 1.300 metros cúbicos por segundo (m³/s) para o nível atual, de 900 m³/s, no reservatório de Sobradinho.
Nesta sexta (23), segundo dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o nível do Lago de Sobradinho está em pouco mais de 5% de sua capacidade total de armazenamento.
Chuvas
De acordo com informações da Agência Reuters, no Nordeste, são esperadas chuvas equivalentes a apenas 29% da média histórica, abaixo dos 33% previstos anteriormente.
Ainda de acordo com a Reuters, além disso o ONS reduziu a perspectiva de queda no consumo de energia elétrica para 2,4%, ante 3% anteriores.
Reservatórios
O órgão também apresentou projeção de que os reservatórios das hidrelétricas do Nordeste encerrem outubro entre 8,6 e 8,4% de capacidade.
Caso confirmado o número mais pessimista, a situação das represas do Nordeste ficaria exatamente igual à registrada em 2001, ano em que o país passou por racionamento de energia, uma situação já reportada na semana anterior. (foto/divulgação)

ASSÉDIO A CRIANÇAS NA WEB, SAIBA COMO DEVE SER DENUNCIADO

Comentários em redes sociais a respeito de uma criança de 12 anos, participante do programa Masterchef Junior, trouxeram à tona nesta semana, o debate sobre o assédio a meninas. Usuários do Twitter postaram mensagens que incitavam a violência sexual contra a participante-mirim do programa de culinária. O debate cresceu nas redes sociais e o projeto Think Olga criou uma campanha, com a hashtag #primeiroassédio, para que mulheres narrem a primeira experiência de violência e, dessa forma, mostrem que o problema é bastante comum.
A procuradora da República Priscila Costa Schreiner, coordenadora do Grupo de Combate aos Crimes Cibernéticos do Ministério Público Federal (MPF) paulista, entende que é necessário estimular as denúncias sobre assédio e apologia de violência contra crianças pela internet.
"A família deve preservar as provas, fotografar ou imprimir a página e denunciar atitudes como essa. Isso ajuda na investigação", recomenda a procuradora da república Priscila Costa Schreiner.
Segundo Schreiner, a tendência é que a família envolvida prefira deletar imediatamente as publicações, antes de encaminhar a denúncia ao Ministério Público Federal. Contudo, os procuradores recomendam sobre a necessidade de colher as provas e qualquer indício que possa ser visto como crime.
"As pessoas têm liberdade de expressão, mas isso tem limite", diz Priscila. Ela explica que, assim que uma denúncia chega ao MPF, o material é distribuído entre os procuradores. "Todos os casos são analisados pelo contexto das mensagens." A procuradora salienta que a incitação a abuso sexual de crianças pode ser entendida como apologia ao crime, denúncia que é encaminhada para a Justiça estadual.
De acordo com a assessoria do Ministério Público de São Paulo, um procurador regional foi destacado para analisar diferentes denúncias que chegaram até o final da tarde desta quinta-feira à procuradoria relacionadas ao caso da participante do programa Masterchef Junior.
INTERNET NÃO É TERRA SEM LEI
O diretor de educação da ONG Safernet, o psicólogo Rodrigo Nejm, considera muito graves os comentários a respeito da garota de 12 anos. "Esses discursos agressivos que fazem apologia a sexo e à violência contra crianças são reflexos de uma cultura do estupro e do machismo."
Nejm conta que a Safernet tem um canal de denúncias anônimas que são encaminhadas à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal. "É importante deixar claro que, na internet, as leis valem da mesma forma", ressalta. Ele acrescenta que devem ser repudiadas mensagens que tratam sobre alegação de consenso, com relação a menores de idade, na relação sexual. "Isso é considerado abuso de vulnerável. É crime também a conversa de teor sexual com crianças e adolescentes."
O artigo 241 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) prevê as situações de crimes, que incluem a posse e a distribuição de imagens de crianças com teor sexual. O psicólogo recomenda que ninguém compartilhe mensagens como essas, mesmo que seja para repudiar ou denunciar. "Essas pessoas que publicam mensagens ofensivas querem, na verdade, audiência a esses discursos. É importante não dar essa audiência".
SAIBA ONDE DENUNCIAR CRIMES CIBERNÉTICOS
Site da Safernet: mantido pela equipe da Safernet, o site recolhe denúncias anônimas relacionadas a crimes de pornografia infantil, racismo, apologia e incitação a crimes contra a vida, entre outros.
Canal do Cidadão do MPF: O Ministério Público Federal recebe denúncias de diferentes tipos. A pessoa pode optar por manter os seus dados sigilosos ou não. A Procuradoria-Geral da República recomenda aos cidadãos apresentarem o maior número de provas para que o processo possa ter mais agilidade.
Disque 100: Outro canal para realizar denúncias de casos de abuso ou violência sexual é o Disque 100, serviço coordenado pelo Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos. O Disque 100 funciona 24 horas por dia, as ligações são gratuitas e podem ser feitas de qualquer local no Brasil. A denúncia é anônima e as demandas são encaminhas para as autoridades competentes.
DICAS AO SE DEPARAR COM UM CRIME CIBERNÉTICO
1) Guarde todas as provas e indícios possíveis
2) Tire fotos das denúncias, "print screen" e imprima o material
3) Registre as denúncias com o maior número de detalhes
4) Não compartilhe ou replique comentários ofensivos ou que incitem ao crime
5) Crie uma rede de proteção às crianças vítimas de assédio, não permitindo que ela fique exposta aos comentários ofensivos nas redes sociais
Fonte Agência Brasil

Homem com fortes dores no peito descobre que tinha palito de dente no coração

Um homem de 42 anos que sofria com fortes dores no peito há mais de seis meses descobriu, somente nesta semana, que a causa era um palito de dente enfiado dentro de seu coração. O caso aconteceu na Argentina e foi divulgado pelo jornal Clarín.
Palito tem quase o comprimento de um dedo. (Foto: Reprodução/Clarín)
Horacio Rodriguez Videla teve fortes febres e também tossia sangue frequentemente. Alguns médicos pensaram que ele poderia ter AIDS, ou até pneumonia, mas os meses se passavam e nada adiantava; nenhum antibiótico funcionava.
Entretanto, recentemente os médicos realizaram uma lavagem em seu coração e assim foi possível identificar o objeto estranho no ultrassom. Foi então que o homem foi levado à mesa de operação, essa semana, e lá encontraram o pedaço de madeira, do tamanho de um dedo mindinho.

Cena do corpo do policial queimado vivo no Rio não gera revolta na net

Uma das cenas mais chocantes da história policial do Brasil é tratada como uma cena banal para a imprensa brasileira e pela maioria da nossa população. A cena é mais uma das muitas que retratam a violência no estado do Rio de Janeiro. É o corpo de um Policial Militar, carbonizado dentro de uma favela… Imaginem se este corpo fosse de um Estuprador/Traficante/Homicida… As Comissões de Direitos Humanos já teriam parado o País! Mas… Como foi apenas de um Policial Militar, não tem tanta importância. Que Deus conforte a família, porque o Estado está ocupado com outras coisas mais importantes.
Preso na manhã desta terça-feira acusado de envolvimento em roubo de cargas, Lucas Silva de Oliveira, de 18 anos, afirmou ter visto como o policial militar Neandro Santos de Oliveira foi capturado e morto, há uma semana, no Complexo do Chapadão, na Zona Norte do Rio. Lucas contou que Neandro foi vítima de um “bonde” de criminosos na Rua Alcobaça. Ele teria tentado fugir e foi capturado pelos traficantes, que o teriam levado para a comunidade, torturado e queimado o soldado.
A Polícia Civil confirmou nesta terça-feira, 21/10, que um corpo encontrado carbonizado dentro de um carro, um Prisma, na Via Light era do policial militar Neandro Santos de Oliveira. A informação foi dada pelo delegado da Divisão de Homicídios (DH) da Baixada Fluminense, Fábio Cardoso. A identificação só foi feita pela ficha odontológica do cadáver encontrado.
Neandro estava desaparecido desde a última segunda-feira, quando teria ido visitar a casa da mãe, na Baixada Fluminense, por volta de 23h30. O agente teria sido reconhecido por criminosos nas proximidades da comunidade Final Feliz, no Chapadão, na Zona Norte do Rio, segundo a Polícia Militar.
O soldado na Polícia Militar em 2010 e foi trabalhar no 31º BPM (Recreio dos Bandeirantes), onde era lotado. De férias, ele saía de casa, em Mesquita, na Baixada Fluminense, para atuar no Programa Estadual de Integração na Segurança (Proeis). Nas folgas, ele reforçava a segurança em estações do BRT da Barra da Tijuca.

IFPE prorroga inscrições para o vestibular 2016 até 30 de outubro

Devido à greve dos bancários, muitos não teriam como pagar as inscrições, que custam R$ 25 para cursos técnicos e R$ 50 para cursos superiores
As provas estão mantidas para o dia 29 de novembro e o resultado, para o dia 18 de dezembro
Bernardo Soares/acervo JC
O Vestibular 2016 do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) teve as inscrições prorrogadas. O prazo, que antes terminaria no próximo domingo (25), passou para o dia 30 deste mês. A data-limite para o pagamento da taxa de inscrição também foi adiada para o quinto dia útil após o término da greve dos bancários.
A medida tem como objetivo não prejudicar os candidatos que não conseguiram fazer o pagamento devido à paralisação. Mesmo com a extensão do prazo, os correntistas do Banco do Brasil já podem pagar a taxa pela internet ou nos terminais de autoatendimento.
As inscrições podem ser feitas através do site da Comissão de Vestibulares e Concursos do IFPE (cvest.ifpe.edu.br), onde o candidato poderá preencher a ficha de inscrição e emitir o boleto bancário, no valor de R$ 25 para os cursos técnicos e R$ 50 para os cursos superiores. A inscrição é gratuita para os que concorrerão às vagas dos cursos oferecidos na modalidade Proeja.
Mesmo com a prorrogação do prazo de inscrição e pagamento, a data inicial da prova foi mantida no dia 29 de novembro. A divulgação do listão com o nome dos aprovados está prevista para o dia 18 de dezembro.
Neste ano, são oferecidas 6.332 vagas distribuídas entre os 15 campi do Instituto. Metade das vagas é oferecida pelo Sistema de Cotas e reservada para candidatos oriundos da rede pública de ensino. Os interessados devem consultar todas as informações sobre o processo seletivo no Manual do Candidato do Vestibular 2016, disponível no site da Cvest.
Em caso de dúvidas, é possível entrar em contato com a Comissão pelo telefone: 81.2125.1724.

Enem começa neste sábado para mais de 7 milhões de estudantes em todo país

Do Correio Braziliense
Mais de 7 milhões de estudantes inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) iniciam, neste sábado (23/10), a busca por uma vaga nas universidades do país. No Distrito Federal, 160 mil candidatos estão aptos a fazer. A grande procura fez do Enem o segundo maior exame de acesso ao ensino superior do mundo, atrás apenas do Gaokao, realizado na China, que superou 9 milhões de inscritos.
A corrida para fazer o exame ocorre por ele ser um facilitador de acesso às universidades públicas e privadas, por meio de programas do governo, como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), Programa Universidade para Todos (ProUni), Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) entre outros, além de ajudar os inscritos maiores de 18 anos a obter o certificado de conclusão do ensino médio.
O estudante Renan Barros, 17 anos, está por dentro dos benefícios da prova e já se organizou para, assim que sair o resultado, tentar uma vaga no curso de medicina ou direito, por meio do Sisu. “Eu acho que o Enem facilitou a entrada dos estudantes na universidade, porque abrange o país todo. Diversificou as oportunidades”, defende o jovem.
Mesmo escolhendo dois cursos disputados, Renan reservou os últimos momentos antes da prova para o descanso. O professor de geografia Paulo Macedo concorda com a estratégia do estudante. Para ele, estudar, neste momento, só pode resultar em ansiedade. “Se o aluno resolve dar uma revisada e descobre que há um conteúdo de que não lembra, isso vai causar angústia. O momento de preparação já passou”. O ideal mesmo é “não acordar em cima do horário da prova, dar uma caminhada para despertar o organismo e se organizar para chegar na hora”, aconselha Macedo.
As estudantes Letícia Altino e Laiane Cristina, ambas de 18 anos, já se planejaram para amanhã. Letícia mora no Lago Norte e fará o Enem perto de casa, mas precisará ir de carro. “Conheço o trajeto e vou de carro com a minha mãe para não atrasar. Pretendo chegar 40 minutos antes do fechamento dos portões.” Laiane tentará ir a pé. “Moro na Asa Norte e a escola fica muito próxima. Só irei de carro caso tenha muito tumulto e precise da companhia da minha mãe”, explica. As duas aproveitam esta sexta-feira (23/10) para ir ao cinema e relaxar. “Essa foi uma orientação dos nossos professores”, diz Laiane.
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) recomenda que o estudante chegue ao local da prova até o meio-dia, pois os portões fecham, rigorosamente, às 13h. Para os alunos que vão de transporte público ao local da prova, é importante ficar de olho nos horários. As frotas do DFtrans serão reforçadas nos dois dias do exame. A operação se dará nas linhas circulares das regiões administrativas, principalmente nas que vão para o Plano Piloto e que passam por locais onde estão concentradas as instituições de ensino nas asas Sul e Norte (L2, L4 e W3). O metrô não ampliará o número de trens e o horário por conta da prova. No sábado, funcionará de 6h às 23h30 e domingo de 7h às 19h.
Provas
Sábado: Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias. Questões de história, geografia, filosofia, química, física e biologia. O estudante terá 4h30 para responder a prova.
Domingo: Linguagens Códigos e suas Tecnologias, Matemática e suas Tecnologias e Redação. Questões de língua portuguesa, língua estrangeira e matemática. O inscrito terá 5h30 para responder a prova.
Proibido
Postar imagens nas redes sociais.
Responder com lápis ou lapiseira.
Comunicar com outro participante durante o período da prova.
Portar equipamentos eletrônicos, como: máquinas calculadoras, agendas eletrônicas ou similares, telefones celulares, smartphones, tablets, iPods, pen drives, MP3 ou similar, gravadores, relógios, alarmes de qualquer espécie ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens.
Usar boné, chapéu, viseira, gorro ou similares.
Ausentar-se em definitivo da sala da prova antes de decorridas duas horas do início da aplicação.
Permitido
Caneta esferográfica de tinta preta em material transparente.
Alimentos em embalagens transparentes e sem rótulo.
Dicas para se sair bem
Ler primeiro o enunciado, as alternativas, e, só depois, o texto. Isso deixa a leitura mais objetiva.
Não ficar mais do que 3 minutos em uma questão.
Responder as fáceis e médias primeiro.
Preencher o gabarito com calma antes de responder as questões difíceis.
Alternar 15 questões de uma área e 15 questões de outra. Isso ajuda no raciocínio e relaxa a mente.
No Enem, não há pegadinhas. Segundo especialistas, o que existem são ‘distratores’ nas alternativas. Eles aparentam ser o caminho certo e o aluno pode pegar algum desvio no cálculo e sair naquela resposta.
Reservar a hora a mais no domingo para a redação. Passar a limpo com cuidado.
Na redação, apresente o ponto de vista, discuta com argumento e faça uma análise crítica.