PREFEITURA

xxxxxxxxxxxx

Olho Grande: Encontro de Prefeito com Governador causa ciumes no bloco oposicionista de Iguaracy

Segundo o radialista Anchieta Santos, Paulo Câmara havia convidado o médico Pedro Alves para ser o candidato do PSB à prefeitura de Iguaracy. Mas, logo depois, recebeu o prefeito Francisco Dessoles (PTC), levado pelo deputado Gonzaga Patriota (PSB). Alves então (com ciúmes) decidiu que iria abandonar o barco.
Já o radialista Nill Júnior publicou em seu blog que a ida de Dessoles com Gonzaga Patriota ao encontro com o governador causou mal estar no bloco oposicionista porque havia receio de que a população identificasse Dessoles como seu candidato.
Noticiou ainda que o Assessor da Casa Civil, Adelmo Moura disse ao seu blog que o apoio do socialista a Pedro Alves é confirmado.
Opinião: 
Independente de apoiar lado "A' ou "B", Paulo Câmara não é governador apenas de um mero grupo político, governa para todos, e da mesma forma que tem recebido bem os nossos representantes na capital, será também bem recebido pelos mesmos aqui na cidade de Iguaracy, recebido bem agora e quem sabe melhor ainda em 2018. Mesmo porque na sua base governista, o governador conta com o apoio do Deputado Estadual Romário Dias (PSD), e que é apoiado por Dessoles aqui em Iguaracy. Política tem disso, e nesse sentido, Paulo Câmara tem se mostrado muito inteligente e com olhos de águia para o futuro.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Pernambuco recebe investimentos que vão gerar mais de 800 empregos, há vagas para Serra Talhada

Após reunião realizada na manhã da última terça-feira (06), o Conselho Estadual de Política Industrial, Comercial e de Serviços (Condic) aprovou a participação de 34 projetos para o Programa de Desenvolvimento do Estado de Pernambuco (Prodepe), que concede incentivos ficais para atrair investimentos para o Estado.
Juntas, as iniciativas irão movimentar R$ 425 milhões nos segmentos de indústrias, importadoras e centrais de distribuição, além de gerar 892 empregos, sendo 239 na Região Metropolitana do Recife (RMR) e 653 no interior de Pernambuco. O maior empregador será a Ibrap Indústria de Alumínio e Plásticos, que irá implantar sua fábrica em Goiana.
O maior volume de investimentos – R$ 391 milhões – irá se concentrar na Região Metropolitana do Recife (RMR), apesar de o principal critério do Prodepe ser o incentivo à interiorização da indústria. A distorção se deve ao projeto de maior valor (R$ 377 milhões) estar localizado no Grande Recife, referente à ampliação da fábrica Brasil Kirin, em Igarassu.
Entre os projetos do interior, o de maior porte é a implantação da Indústria de Colchões, que será construída em Pombos, na Zona da Mata, que irá movimentar R$ 10,3 milhões.
Confira arte que detalha número de vagas no Estado:

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Governo anuncia medidas que endurecem aposentadoria por invalidez e auxílio-doença

 
Na tentativa de reduzir gastos com a Previdência, o governo anunciou na última quarta (6) a alteração em benefícios como a aposentadoria por invalidez e auxílio-doença e o acesso de trabalhadores a fundos de previdência complementar.
Serão revisados os chamados benefícios por incapacidade de longa duração. Para isso, mais de 100 mil perícias por mês serão feitas com o objetivo de checar se os trabalhadores afastados nessa condição continuam incapazes de realizar seus trabalhos.
Uma medida provisória fixará em 120 dias o prazo máximo de pagamento de auxílio-doença quando o benefício for concedido pela Justiça sem definição de uma data de cessação. Caso o segurado não peça a continuidade do benefício, o pagamento será automaticamente cancelado.
A medida provisória também revogará a regra que permite que o segurado que volta a contribuir com o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) obtenha novo auxílio-doença em apenas quatro meses.
Além disso, o governo vai instituir uma gratificação por dois anos para os peritos médicos do INSS que fizerem perícias em auxílios-doença e aposentadorias por invalidez concedidas há mais de dois anos a partir da data de edição da medida provisória.
Os médicos peritos receberão R$ 60 por perícia realizada. Segundo o governo, a gratificação é necessária porque os profissionais terão de extrapolar a carga horária para revisarem os 3 milhões de aposentadorias por invalidez e os 840 mil auxílios doença concedidos há mais de dois anos.
De acordo com o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, não se trata do fim dos benefícios, mas apenas de uma revisão. Segundo dados do governo, há hoje no país 3 milhões de aposentadorias por invalidez concedidas há mais de dois anos sem revisão, que geram uma despesa mensal de R$ 3,6 bilhões.
Já o auxílio-doença custa R$ 1 bilhão por mês à União. O governo alega que, atualmente, 840 mil auxílios-doença foram concedidos há mais de dois anos, a maioria após decisões judiciais.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Presidente da Coodapis festeja sucesso com reportagem do Globo Rural

Depois da boa repercussão da matéria sobre a Coodapis-Cooperativa de Agricultura Familiar, no Programa Globo Rural da Rede Globo, o Presidente Adelmo Cabral falou ontem a Rádio Cidade FM.
Ele disse que foram muitos e-mails, várias ligações telefônicas para ele e familiares para dividir o contentamento com a reportagem que durou sete dias para editar 13 minutos.
A Coodapis reúne 245 associados, em Pernambuco, Paraíba, Piauí e Bahia. Produz mel, Macaxeira a vácuo, Peixe, Galinha Caipira, Codorna, ovos e carne de Caprinos. Toda produção recebe certificado orgânico.
Depois de participar recentemente de feira na África do Sul a Coodapis já tem confirmada presença e feira que vai ocorrer na Bolívia em Setembro. Conquistado junto ao governo do estado através do Prorural, Adelmo disse que o Entreposto do Mel estará pronto dentro de mais dois meses onde estão sendo investidos cerca de R$ 600 mil.
Sobre a possível participação na politica partidária, o destacado gestor disse ser filiado ao PSB, mais tem uma visão diferente sobre a política atual. Não descartou disputar um mandato, desde que a forma de buscar o voto não seja nos moldes convencionais.
Por Anchieta Santos
Veja o Vídeo Aqui: 

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

De olho na web: Lei aprovada determina prisão para quem cometer racismo

A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) aprovou o projeto de lei que prevê a pena de prisão para quem cometer atos de racismo e discriminação na internet.
Essa pauta ficou em evidência no último ano, de modo que pessoas conhecidas do meio artístico e jornalístico, como a cantora Ludmila, a atriz Taís Araújo e a jornalista Maju Coutinho sofreram uma série de ataques nas redes sociais. Felizmente, um dos casos – o de Ludmila, terminou com a identificação e prisão do autor dos comentários, no mês de maio.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Nordeste pede ajuda urgente de R$ 14,3 bi ao governo federal

Governadores dos Estados do Nordeste pediram hoje (7) ao ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, numa reunião em Brasília, uma compensação de, no mínimo, R$ 14,3 bilhões do governo federal por perdas no Fundo de Participação dos Estados (FPE), provocadas por desonerações fiscais.
O encontro com os governadores ocorreu pouco antes de uma reunião de Meirelles com o presidente interino, Michel Temer, para fechar o tamanho do déficit para a meta fiscal de 2017, a ser anunciada hoje pelo governo. Ao ministro, os governadores rebateram os argumentos fiscais como empecilho para a ajuda aos Estados nordestinos.
"Já nos basta a maior crise econômica do século XXI e já nos basta uma crise política monumental. Temos agora que evitar uma crise federativa, porque, na medida em que os Estados não puderem mais prover serviços básicos, é claro que nós vamos ter consequências muito severas", disse o governador do Maranhão, Flávio Dino, ao sair do Ministério da Fazenda.
O valor de R$ 14,3 bilhões é o que os Estados do Nordeste calculam perder até o fim do ano no FPE por causa de desonerações de IPI e Imposto de Renda, e é o valor mínimo que pleiteiam. Eles pedem também que seja flexibilizado o limite para que os Estados possam contrair empréstimos.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

DER vai fiscalizar uso de farol baixo em rodovias

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão vinculado à Secretaria de Transportes, inicia nesta sexta-feira (8), as operações de fiscalização nas rodovias estaduais com um efetivo de 40 agentes, contando com apoio do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv).
As ações visam garantir o cumprimento da Lei Federal Nº 13.290/2016, que alterou os artigos 40 e 250 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e torna obrigatório o uso de farol baixo aceso durante o dia nas rodovias estaduais e federais.
O objetivo principal da nova lei é reduzir os acidentes nas rodovias, garantindo mais segurança nas estradas, tanto para motoristas – diminuindo os riscos de colisões frontais –, quanto aos usuários, motoqueiros, ciclistas e pedestres, o que deverá contribuir para a redução do número de acidentes frontais e salvar mais vidas, como já ocorre nos Estados Unidos, onde houve redução de 5% desse tipo de acidente.
“A nova lei determina que os faróis baixos estejam acesos durante o dia em todas as rodovias, para que o motorista veja o que está à sua frente e que seja visto por outros motoristas e pedestres”, alertou o gestor de Fiscalização do DER, Laurent Licari.
Aqueles que descumprirem a nova regra, receberão quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e pagarão multa de R$ 85,13. Mas, esse valor passará para R$ 130,16, conforme a nova tabela que entrará em vigor em novembro deste ano.
Licari ressalta ainda que os motoristas fiquem bastante atentos aos limites das rodovias estaduais que se conectam com vias municipais. Algumas PEs têm trechos em perímetros urbanos, que também serão fiscalizados permanentemente a partir desta sexta-feira (8).

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...