Mostrando postagens de Agosto 13, 2016Mostrar tudo

TE VI NA WEB: VEJA OS CLIQUES DA NOITE DE SEXTA (12) NA FESTA DE AGOSTO EM JABITACÁ











OPORTUNIDADE: Compesa de Iguaracy oferece descontos de até 70% para clientes inadimplentes. Desconto pode chegar a 90% e é oferecido em todo o Estado

Ubirany Rodrigues, chefe da Compesa em Iguaracy, informa aos consumidores que estão com as contas de água em atraso que podem ter descontos de70% para quitar as dívidas.
O desconto é oferecido em todo o Estado de Pernambuco.
A Compesa informa que a inadimplência, atualmente, chega a 11% dos 170 Mil Clientes Residenciais, diante desse número, a Companhia reforçou as Negociações para tentar recuperar um Total de R$ 25 Milhões.
A Companhia informa também que existe a possibilidade de oferecer um desconto de 90%, ele é para casos excepcionais, dependendo do perfil da dívida e do Consumidor.
Por isso, a Empresa ressalta a importância de realização do processo de entendimento, as maiores percentuais de desconto valem para quem vai quitar a dívida à vista.
Nas ações de negociação, a Compesa está usando várias ferramentas de comunicação para avisar sobre a existência de débito.
O 1º recurso utilizado para evitar a Suspensão do Fornecimento ou incluir o Nome do Consumidor na lista de Devedores é o envio de Mensagem via Celular para Comunicar o Atraso no Pagamento da Conta.
A Compesa esclarece que oferece condições especiais para Pagamento à Vista ou Parcelado.
O Cliente que estiver em atraso pode entrar em contato com o tele atendimento da Compesa através do Telefone Gratuito 0800.081.0195 e negociar a sua dívida.
Ele poderá ainda procurar uma das lojas de atendimento ao cliente espalhadas na Região Metropolitana do Recife e no Interior para fazer a negociação.
O Cliente pode acessar também a Loja Virtual da Compesa para Negociar sua dívida, basta acessar o site e clicar no link referente à negociação de Débitos.

FESTA DE JABITACÁ: Neste sábado e domingo há shows em praça pública

Propagandas eleitorais começam na próxima terça-feira dia (16) com restrições impostas pela legislação eleitoral

Imagem com ícones de meios de comunicação e a frase
Na próxima terça-feira (16), tem início a propaganda eleitoral. Até o dia 1º de outubro, os candidatos a prefeito e a vereador estão autorizados a fazer campanha com vistas às Eleições 2016, mas devem ficar atentos às restrições impostas pela legislação eleitoral.
As regras para a propaganda em 2016 estão dispostas na Resolução TSE nº 23.457/2015, que também trata do horário gratuito no rádio e na TV e das condutas ilícitas na campanha. As punições para quem cometer irregularidades vão de multa até detenção.

Internet: É permitido fazer propaganda eleitoral na internet em sites do candidato, do partido ou coligação e por meio de mensagem eletrônica para endereços cadastrados gratuitamente por eles mesmos.
O uso de blogs, redes sociais, sites de mensagens instantâneas e assemelhados também está autorizado. Sob qualquer forma, é vedada a propaganda paga na internet.

Som: O uso de alto-falantes ou amplificadores de som em veículos e sedes de partidos ou coligações é liberado das 8 horas às 22 horas.
A circulação de carros de som e mini trios, como meio de propaganda eleitoral, devem observar o limite de 80 decibéis de nível de pressão sonora.
Os comícios são permitidos das 8h à meia-noite, mas a Lei das Eleições (Lei nº 9.504/97) proíbe a realização de showmício e de evento assemelhado para promover candidatos, assim como a apresentação, remunerada ou não, de artistas com a finalidade de animar comício e reunião eleitoral.

Rádio e TV: A propaganda em rádio e TV é restrita ao horário eleitoral gratuito, que começa dia 26 de agosto. A propaganda partidária não será veiculada no segundo semestre.

Jornais e revistas: Os candidatos estão autorizados a fazer anúncios pagos na imprensa escrita, com a respectiva reprodução na internet, de até 10 anúncios de propaganda eleitoral em datas diversas, por veículo, no espaço máximo por edição, para cada candidato, partido ou coligação, de 1/8 de página de jornal padrão e ¼ de página de revista ou tabloide.

Bens públicos e particulares:
É vedada a veiculação de propaganda de qualquer natureza, inclusive pichação, inscrição a tinta, colocação de placas, faixas, estandartes, cavaletes, bonecos e peças afins em bens em que o uso dependa de cessão ou permissão do poder público, ou que a ele pertençam. A proibição se estende aos bens de uso comum, inclusive postes de iluminação pública, sinalização de tráfego, viadutos, passarelas, pontes, paradas de ônibus e outros equipamentos urbanos.
Mesas para distribuição de material e bandeiras ao longo das vias públicas devem ser móveis e não podem dificultar o bom andamento do trânsito de pessoas e veículos – a colocação e a retirada dos meios de propaganda devem ocorrer entre as 6h e às 22 horas.
Já a propaganda em bens particulares pode ser feita somente em adesivo ou papel, com dimensão máxima de meio metro quadrado. Nos carros, são permitidos adesivos microperfurados até a extensão total do para-brisa e, em outras posições, adesivos até a dimensão de 50 cm x 40 cm.

Folhetos e outros materiais:
A propaganda eleitoral por meio de folhetos, adesivos, volantes e outros impressos deve ser editada sob a responsabilidade do partido, coligação ou candidato, e deve trazer o CNPJ ou o CPF do responsável pela confecção, bem como de quem a contratou, e a respectiva tiragem. Brindes, camisetas, chaveiros, bonés, canetas, cestas básicas ou qualquer outro bem ou material que possa proporcionar vantagem ao eleitor são vedados pela legislação eleitoral.

BRASIL SUPERA AUSTRÁLIA NOS PÊNALTIS E VAI À SEMIFINAL DO FUTEBOL FEMININO

Com direito a disputa de pênaltis e erro de Marta, a seleção brasileira de futebol feminino superou a Austrália no Mineirão nesta madrugada e está nas semifinais da Olimpíada; depois de um 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação, a torcida explodiu quando a goleira Bárbara defendeu a cobrança da australiana Kennedy, cravando o placar de 7 a 6 na disputa de pênaltis.