PREFEITURA

xxxxxxxxxxxx

Hugo Marques, o nosso defensor da natureza fala como anda a Pedra do Monte Alegre e realça melhorias em relação a educação ambiental por conta dos frequentadores.

Em conversa com o nosso defensor da natureza, Hugo Marques, procuramos saber sobre as questões de limpeza na Pedra do Monte Alegre e quais condições se encontra o nosso principal ponto turístico.
Huguinho, como é mais conhecido em nosso meio, disse que junto com o seu colaborador Samuel Nunes, estiveram realizando no local uma limpeza pós carnaval no mês de março. Hugo pontuou como positivo, porque a quantidade de lixo foi muito pouca em se comparando com outros anos.
"A medida que vai sendo divulgado, que vai sendo orientado, aí o pessoal vai ficando mais consciente em preservar o meio ambiente", comentou.
"Com a ajuda de Samuel Nunes, nós só conseguimos ajuntar dois sacos de lixo, começamos a coletar desde a trilha lá embaixo até o topo, ainda fizemos a limpeza e varremos as cavernas", disse.
Hugo disse que teve informações que o secretário de Cultura, Edjanilson Rodrigues, se reuniu com o pessoal da localidade e que o mesmo tem um projeto ambiental para o local, com instalação de cestos de lixo e melhoria na infraestrutura, entre outros benefícios. Nosso blog em contato com o secretário, este ficou de conversar conosco e dar maiores esclarecimentos relacionados ao que espera realizar na localidade.
Preocupação: segundo Hugo, sua preocupação agora está focada na questão de um vazamento na parede da piscina, disse que devido ao vazamento, a piscina não consegue mais sangrar, e está preocupado que por conta deste fator, a água da piscina não tenha sido renovada.
Ainda segundo Hugo, o mesmo já conseguiu a doação dos produtos para vedação e disse que vai buscar parcerias com a Secretaria de Obras para poder levar uma equipe para lá e rebocar a parede ou até mesmo aumentar a sua altura. Em conversa com Luciano Santana, que é secretario de obras, este disse a Web Sertão que irá com uma equipe verificar a situação da parede e fazer as reformas que são necessárias.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...