Restaurante chinês é acusado de servir carne humana

A polícia de Pádua, no norte da Itália, fechou um restaurante especializado em comida chinesa acusado de servir carne humana.
A ação ocorreu após um funcionário publicar no Facebook uma foto, supostamente tirada na cozinha do estabelecimento, que mostra dois pés humanos em estado de decomposição em uma tigela azul.
De acordo com reportagem do Daily Mail, a imagem foi feita pelo garçom após um grupo de eslovenos pedirem um dos pratos principais da casa –patas de urso.
Depois de ver a imagem perturbadora na internet, um cliente italiano da casa alertou as autoridades locais.
Além dos supostos pés humanos, os agentes sanitários também encontraram peixes congelados de origem duvidosa, patas e pernas de caranguejo e rãs em estado de decomposição.
A reportagem não informou o nome do restaurante.
Patas do urso são consideradas uma iguaria na China e um prato pode custar cerca de a € 400.