https://www.facebook.com/pg/saudeiguaracy/posts/?ref=page_internal

Comitê de Monitoramento realiza levantamento de áreas de riscos e instala placas educativas nas barragens de Iguaracy

O grande volume pluviométrico registrado nos últimos dias tem levado os açudes e barragens a superarem o nível máximo de acúmulo de água e trouxe consigo vários riscos, desde acidentes envolvendo banhistas e curiosos a também estouramento de barragens. Pensando nisto, o Governo Municipal de Iguaracy, através da gestão do prefeito Zeinha Torres, vendo a necessidade de garantir a segurança da população nestas áreas, resolveu instituir no município o Comitê de Monitoramento e Avaliação de Riscos.
O Comitê de Monitoramento em Iguaracy tem na sua direção a diretora de Meio Ambiente, Daniela Darck (presidente ) e o secretário de Agricultura, Geraldo Rocha (coordenador), e nos últimos três dias estiveram fiscalizando diversas barragens e açudes de pequeno, médio e grande porte no município.
Barragens e açudes como os do Sítio Queimadas, Baraúna Grossa, Pau Leite, Macambica, Logradouro, Cachoeira Seca, Barragem do Estado, Açude do Capitão e da Enark em Jabitacá foram monitorados.
De acordo com Daniela Dark, todas as barragens foram monitoradas e levantado os seus principais riscos. Disse que a gestão municipal está dando total apoio e disponibilizou maquinários que já se encontram trabalhando para evitar rompimentos e principalmente o efeito cascata, onde uma barragem estourada, acaba estourando outras.
A equipe também vem se desdobrado para conscientizar a população dos perigos nestas épocas de cheia. Em alguns locais de maior risco, foram instaladas placas educativas no objetivo de evitar afogamentos.Vale salientar, que a população também deve evitar aglomerações, haja vista o perigo momentâneo em relação ao covid-19 (coronavírus).

Acima os contatos do Comitê de Monitoramento e Avaliação de Riscos.
Veja mais imagens enviadas a nossa redação por Daniela Dark: