Bolsonaro confirma outras trocas na Petrobras: "Semana que vem teremos mais"

Após indicar o general Joaquim Silva e Luna para comandar a Petrobras, o presidente Jair Bolsonaro avisou que planeja fazer novas mudanças na estatal.
A troca no alto escalão da Petrobras fez com que a empresa pública perdesse cerca de R$ 30 bi em valor de mercado e outros bilhões em ações.
Durante a formatura da Escola Preparatória de Cadetes do Exército, em Campinas (SP), Bolsonaro preparou a "imprensa" para as novas mudanças. "Semana que vem teremos mais", sentenciou.
"Vocês aprenderão rapidamente que pior do que uma decisão mal tomada é uma indecisão. Eu tenho que governar. Trocar as peças que porventura não estejam dando certo [...] E se a imprensa está preocupada com a troca de ontem, na semana que vem teremos mais. O que não falta para mim é coragem para decidir pensando no bem maior da nossa nação. O mais fácil é se acomodar, é se aproximar daqueles que não têm compromisso com a pátria", declarou.
Durante o discurso, segundo informações da Folha de S. Paulo, Bolsonaro deixou claro que não consegue fazer tudo o que gostaria, ao menos no regime democrático vigente hoje em dia, mas que "apesar de tudo" ainda respeita a "democracia".
"Alguns acham que eu posso fazer tudo. Se tudo tivesse que depender de mim, não seria este o regime que nós estaríamos vivendo. E apesar de tudo eu represento a democracia no Brasil", disse.

ANÚNCIOS WEB SERTÃO - (87) 98821-5232