Brasil atinge 300 mil mortos de covid com colapso hospitalar

O Brasil chegou a 300.015 mortes pelo novo coronavírus nesta quarta-feira, 24. São mais de 300 mil despedidas em pouco mais de um ano de pandemia – muitas delas em meio ao colapso hospitalar e sem a assistência médica necessária. De acordo com os dados divulgados pelo Ministério da Saúde, foram 2.009 óbitos nas últimas 24 horas, totalizando agora 300.685 vítimas fatais.
O Brasil vive seu pior momento na pandemia, tendo registrado na véspera um recorde de mais de 3 mil óbitos em um único dia. O País é apenas o segundo a ultrapassar as 300 mil mortes por covid-19 no mundo, após os Estados Unidos.
Além disso, o Ministério da Saúde ainda reportou nesta quarta-feira 89.992 novos casos confirmados de coronavírus no País, o que eleva o total de infectados a 12.220.011, também a segunda maior marca global.
Esse total de vítimas é um número grande demais para caber na cabeça da gente. São todas as pessoas que moram em cidades como Palmas, no Tocantins, ou Limeira, no interior paulista. Nessa escala, os números já não são distantes de nós. Estão no relato da vizinha que perdeu o marido, na prima que mora longe ou mesmo no condomínio ou na nossa rua. Direta ou indiretamente, todos perdemos alguém ou conhecemos alguém que se foi. Trezentos mil.

ANÚNCIOS WEB SERTÃO - (87) 98821-5232