Sertão: Floresta, Serra Talhada e Triunfo, confirmam casos da ‘coceira misteriosa’

A XI Geres (Gerência Regional em Saúde) confirmou nesta quinta-feira (02) os primeiros registros da ‘coceira misteriosa’ em Serra Talhada, Triunfo e Floresta, no Sertão de Pernambuco.
A enfermidade já vem assolando mais de 40 bairros no Recife em apenas uma semana. Ao Farol, a diretora da Geres, Carla Milene, detalhou que 4 casos estão ativos no sistema, sendo 2 de Serra Talhada, notificados no dia 24 de novembro pelo Hospam, 1 caso em Floresta notificado no dia 26 de novembro no Hospital Coronel Álvaro Ferraz, e outro notificado ontem (dia 1º) em Triunfo, na Unidade Mista Felinto Wanderley. O surto já atinge 427 pessoas no estado e tem causado preocupação nos especialistas, uma vez que a causa ainda não foi identificada.
“A gente monitora através do Centro Integrado e Estratégico em vigilância em Saúde (CIEVS), o que a gente está chamando de dermatite pruriginosa a esclarecer, todas as 12 regiões de saúde do estado estão monitorando os seus territórios diariamente, então foi construído um formulário que foi repassado para todos os municípios da XI Geres e os casos suspeitos que chegarem nas unidades de saúde devem preencher esse formulário imediatamente e encaminhar até às 15h para o CIEVS. 
Eu já posso lhe dizer que aqui na nossa região já temos 4 casos notificados no sistema, 2 casos são de Serra Talhada, que foram notificados no dia 24 de novembro pelo Hospam, 1 caso que foi notificado em Floresta no dia 26 de novembro no Hospital Coronel Álvaro Ferraz e outro caso que foi notificado ontem (dia 1º) em Triunfo na Unidade Mista Felinto Wanderley”, alertou Carla Millene (foto) em conversa com o Farol de Notícias, reforçando:
“O que temos a dizer à população é que se observar sintomas de coceira, de vermelhidão, de prurido procurar imediatamente uma unidade de saúde para receber o atendimento médico mais adequado e a equipe poder estar notificando esse caso para a gente estar encaminhando para a Secretaria Estadual de Saúde. Temos um infectologista, que é Dr. Demétrios Montenegro que está a frente das investigações desse surto que está acontecendo no nosso estado de Pernambuco. Ainda não temos uma conclusão definitiva para poder passar para a população, mas estamos acompanhando diariamente os nossos municípios, os casos que estão acontecendo estão sendo notificados, estão sendo informado à Secretaria Estadual de Saúde, alerto e peço à população que todo caso que venha aparecer de coceira, de prurido, de vermelhidão no corpo, em crianças, adultos e idosos, procurem a unidade de saúde mais próximo para que a gente possa estar tomando as medidas cabíveis.” (Via: Farol de Notícias)

ANÚNCIOS WEB SERTÃO - (87) 98821-5232