Pai baleado pelo próprio filho no Sertão da Paraíba está paraplégico

O policial militar reformado que foi baleado pelo filho adolescente de 13 anos, no último sábado (19), em Patos, no Sertão da Paraíba, está paraplégico, segundo o médico-cirurgião Caio Guimarães, que cuida do caso. Além de ferir o pai, o adolescente é suspeito de matar a mãe e o irmão de 7 anos.
A proibição de jogos online e a cobrança por boas notas na escola teriam motivado o ataque, segundo a polícia. O cirurgião disse que o policial de 56 anos ainda não passou por cirurgia e está consciente.
A condição de saúde do policial é estável até o momento. “Ele está sem entubação, consciente e orientado. Está paraplégico, sem sentir as pernas, mas está estável. Ele vai ser avaliado dia a dia para [ver se podemos] dizer alguma coisa a mais”, afirmou Guimarães.

Betano: Apostas Esportivas - Faça seu Jogo Online

ANÚNCIOS WEB SERTÃO - (87) 98821-5232