Igreja Mundial perde horários da Band e Rede 21 para a Igreja Universal

O motivo do fim do contrato seria a falta de pagamento, o mesmo que aconteceu com a CNT
 De acordo com o jornalista Ricardo Feltrin, da coluna Ooops do portal UOL, o contrato entre o Grupo Bandeirantes e a Igreja Mundial do Poder de Deus chegou ao fim e quem vai ocupar os horários será a Igreja Universal do Reino de Deus.

O jornalista diz que tanto as três horas da madrugada na Band como as 22 horas diárias do Canal 21 transmitirão nos próximos dias a programação feita pelos bispos da IURD.

A troca de igrejas na grade de programação tem um único motivo: falta de pagamento. Feltrin afirma que a Igreja Mundial estava atrasando o pagamento, problemas que o grupo Bandeirantes não terá com a IURD que já tem ocupado os horários que Valdemiro antes mantinha na Rede TV! e na CNT.
A informação seria de que a mudança começasse nesta segunda-feira (21), mas quem sintonizou o Canal 21 acompanhou a programação da Mundial normalmente.

A Igreja Mundial também oferece a programação religiosa pela internet através do www.impd.tv, cultos, programas e testemunhos são transmitidos 24 horas por dia para quem tem acesso à rede mundial de computadores.

Apesar de serem igrejas evangélicas, as duas denominações travam uma batalha de concorrência, o apóstolo Valdemiro Santiago era bispo da Igreja Universal, sendo um dos homens de confiança de Edir Macedo. Ao romper com a igreja e criar uma denominação, Santiago passou a sofrer com a perseguição de seu antigo líder.

A maior prova dessa desavença entre os dois líderes religiosos foi a reportagem da Rede Record sobre as fazendas que o fundador da Igreja Mundial teria comprado no estado do Mato Grosso. Por conta disso, Santiago passou a ser investigado pelo Ministério Público e Receita Federal para provar que os bens não foram adquiridos com o dinheiro dos dízimos dos fiéis.

Na TV a concorrência tem se intensificado nos últimos meses, quando a crise financeira da Mundial fez com que o líder perdesse alguns canais. Recentemente o deputado Ricardo Arruda (PSC-PR) que é ligado à IMPD, disse que a igreja estava diminuindo os investimentos em TV por uma questão de estratégia, pois haviam mais horários pagos do que eles realmente precisavam.

por Leiliane Roberta Lopes






ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO GOVERNO DE IGUARACY