Mostrando postagens de Fevereiro 2, 2016Mostrar tudo

Serra Talhada registra atentado à bala na tarde desta segunda

Após registrar o primeiro homicídio do ano, na madrugada desta segunda-feira (1º), vitimando um motorista de 35 anos, Serra Talhada contabiliza seu primeiro atentado.
Deu entrada no Hospital Regional Professor Agamenon Magalhães, vítima de disparos de arma de fogo, César Adriano Leite de Lima, de 47 anos. A vítima às 18h estava no bloco cirúrgico. (Blog do Itamar)

A decadência da humanidade: Ciência avança e homens já podem engravidar através de transplante de útero!

Segundo o site Jornal Ciências, pesquisadores da Cleveland Clinic, nos Estados Unidos, esperam realizar, nos próximos meses, o primeiro transplante de útero. O intuito é que o transplante seja temporário.
O útero seria removido após a mulher ter um ou dois bebês, pois é preciso tomar medicamentos regularmente para que ele não seja rejeitado pelo organismo.
Claro que sempre existe a possibilidade da adoção e a maternidade não é uma obrigação. Muitas mulheres, por questões pessoais, culturais ou religiosas, acabam deixando isso de lado.

Vejamos a Bíblia diz a respeito? Confira!
Porque do céu se manifesta a ira de Deus sobre toda a impiedade e injustiça dos homens, que detêm a verdade em injustiça.
Porquanto o que de Deus se pode conhecer neles se manifesta, porque Deus lho manifestou.
Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis;
Porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu.
Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos.
E mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, e de aves, e de quadrúpedes, e de répteis.
Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si;
Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém.
Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.
E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.
E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm;
Estando cheios de toda a iniqüidade, fornicação, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade;
Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães;
Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia;
Os quais, conhecendo o juízo de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem. (Romanos 1:18-32)

Temor de microcefalia pode gerar “explosão” de abortos no Brasil

“A gente precisa separar a religião das decisões políticas”, pede dirigente da OMS
Reportagens da Folha de São Paulo e da revista Época mostraram esta semana como o número de abortos no Brasil está aumentando drasticamente por temores de microcefalia.
O vírus zika tem uma relação ainda não comprovada com a microcefalia. Mesmo assim, a médica obstetra brasileira Suzanne Serruya – chefe da área que estuda o assunto dentro da Organização Mundial da Saúde (OMS) – defende o “aborto preventivo”.
Ela afirma que deseja fomentar, entre governos e órgãos multinacionais, as pesquisas e políticas públicas adequadas no combate ao zika.
Ela não mede palavras: “Os casos de zika vão pressionar o debate sobre os direitos reprodutivos. A interrupção da gravidez, em qualquer situação, é uma decisão da mulher… Enfrentar a discussão do aborto é inevitável, com tudo que ela traz. A gente precisa separar a religião das decisões políticas. Estados não laicos são extremamente desfavoráveis à mulher. A interrupção da gestação é uma questão de saúde pública, envolve morte materna”.

Janeiro é o mais chuvoso no Pajeú desde 2004

Apesar da boa notícia, reservatórios ainda não pegaram água. Santa Cruz da Baixa Verde lidera ranking de chuvas. Tuparetama é onde menos choveu
O mês de janeiro deste ano já é apontado como um dos melhores no tocante ao volume de chuvas registrado nos últimos anos. Desde 2004 não se chovia tão bem na região do Pajeú e em todo o Sertão neste período.
Mas as últimas chuvas ainda não foram suficientes para acumular água o suficiente e os meteorologistas apontam para mais um ano de seca. Vale o registro de que os grandes reservatórios da região como Brotas e Rosário continuam em colapso ou pré-colapso. Na zona rural entretanto, pequenos barreiros e cisternas estão com bom volume em algumas áreas.
Segundo levantamento do Afogados On Line, o município de Santa Cruz da Baixa Verde foi o que mais registrou chuvas no mês de janeiro. Já Tuparetama registrou o menor índice pluviométrico.
Pela ordem, choveu mais em Santa Cruz da Baixa Verde (273,9 mm), Triunfo (251,7 mm), Quixaba (211,7 mm), Brejinho (210,4 mm), Solidão (209,9 mm), Tabira (184,0 mm), Santa Terezinha (160,0 mm), Serra Talhada (156,2 mm) e São José do Egito – 148,9 mm
Na lista das ciddes com volume menor de precipitação estão Itapetim (142,5 mm), Afogados da Ingazeira (141,5 mm), Flores (124,4 mm), Ingazeira (116,0 mm), Carnaíba (112,0 mm), Iguaraci (111,7 mm), Calumbi (109,3 mm) e Tuparetama (82,0 mm).

Saiba quais seriam as armas de uma Terceira Guerra Mundial

Desde o fim da Segunda Guerra, especialistas do mundo inteiro afirmam que uma Terceira Guerra é praticamente inevitável, apresentando argumentos dos mais variados.

À luz dos avanços tecnológicos, estes são alguns dos elementos que podem fazer parte de uma eventual Terceira Guerra Mundial:

Supersoldados: a ciência já permite aperfeiçoar as capacidades de um ser humano, tanto físicas quanto mentais, a ponto de transformá-lo em uma máquina de guerra poderosa e eficiente.
Robôs: as funções que não podem ser realizadas por um supersoldado serão executadas por um robô. O uso dessa tecnologia no campo de batalha é limitado apenas pela capacidade de imaginação, dado que os recursos para o seu desenvolvimento já existem.
Drones: as políticas do espaço aéreo tiveram que ser repensadas mundialmente depois do surgimento dos drones. Essa tecnologia, que permite controlar remotamente qualquer arma ou equipamento, já está sendo utilizada em campanhas militares.
Redes sociais: assim como em vários conflitos mundiais, as redes sociais são um dos principais protagonistas da guerra, seja para denunciar ou formar opinião, facilitando o acesso imediato a documentos de todos os tipos.
Hacking: a opinião pública poderá ser facilmente manipulável através das informações fornecidas por equipes de hackers, muitas vezes financiadas pelos governos. Na verdade, os especialistas consideram essa prática ainda mais ofensiva que qualquer arma de fogo. - See more at: http://www.seuhistory.com/noticias/saiba-quais-seriam-armas-de-uma-terceira-guerra-mundial#sthash.zQtCe9kI.dpuf

Usuária da Empresa Progresso reclama de ônibus sucateado e preço abusivo de passagens

Uma usuária constante da Empresa de ônibus Progresso denuncia pelo WhatsApp as más condições do veículo que faz linha Salgueiro/Recife. Tudo começou quando ao comprar a passagem de Serra Talhada a Caruaru, na linha das 07h30, teve que pagar R$ 64,00, mais de 15% acima do valor normal de pouco mais de R$ 50.
Mas como o valor estava muito elevado, a expectativa era que o ônibus fosse o melhor da frota, no entanto foi contrário. As poltronas velhas do veículo estavam quebradas, cortinas rasgadas em todo lado esquerdo do corredor, cintos de segurança amarrados e sem a fivela, ferrugem no teto e ar condicionado, banheiros imundos, etc. Tudo ao contrário das garantias do direito do consumidor registradas no verso da passagem. (Luiz Carlos)

Prefeitos tem encontro com Secretário Estadual para tentar destravar SAMU

Ambulâncias entregues em agosto de 2014: depreciação de equipamentos caríssimos.
Após o questionamento do blog para a lentidão dos prefeitos do Pajeú em por para funcionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU, uma boa notícia surgiu hoje no Programa Manhã Total, da Rádio Pajeú.
Segundo o Coordenador do Cimpajeú, Dêva Pessoa, o Secretário de Saúde Iran Costa participa dia 18 de reunião em Afogados da Ingazeira com os prefeitos da região para tratar do tema. O coordenador do Cimpajeú chegou a afirmar que considerou injusta a cobrança do blog, mas admitiu que a nota sacolejou os prefeitos para acelerarem a discussão.
A nota do blog cobrou responsabilidades dos gestores da região, principalmente a partir do gestor serra-talhadense – onde fica a Central de regulação do SAMU, mais os coordenadores de Amupe e Cimpajeú, José Patriota e Dêva Pessoa. Não trata-se de dizer que eles detém mais responsabilidade que os demais. Mais pelo papel que exercem trem peso para articular audiências com o Ministério e Secretaria Estadual de saúde para destravar o processo.
Dêva voltou a dizer que os prefeitos dependem da definição da frequência da Central de Serra Talhada para adquirirem seus equipamentos de rádio. Mas defendeu o prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque (PT), quando este diz que não há como colocar a Central para funcionar sem t garantias dos repasses estaduais e federais.
“Tem região que começou o serviço e não tem dinheiro para pagar as equipes porque não houve os repasses”, afirmou. Enquanto a solução para o problema não vem, ambulâncias modernas que poderiam estar salvando vidas estão paradas nas garagens de prefeituras. “Menos a de Tuparetama. Já botei pra rodar pra salvar vidas. Bateu esses dias num jegue mas já mandei arrumar”, diz, acrescentando não ter medo de ser punido por isso. (Por Nill Júnior)

Motorista é morto a facadas no bairro Caxixola em Serra Talhada

Mais um homicídio foi registrado em Serra Talhada no Sertão do Pajeú. Na madrugada desta segunda-feira (01/02). A vítima: José Vieira de Magalhães Neto, de 29 anos, conhecido por“Tourão”, motorista, residente no bairro Tancredo Neves, estava na Pizzaria Bona Pizza, no bairro da Caxixola, em companhia de um amigo, ingerindo bebida alcoólica, quando dois homens, desconhecidos, se aproximaram e, após breve discussão, um deles puxou uma faca e desferiu três golpes de faca peixeira contra a vítima, fugindo em seguida.
A vítima ainda foi socorrida ao Hospital Regional de Serra Talhada (HOSPAM), onde foi submetido a intervenção cirúrgica, porém, por volta das 04:00, veio a óbito.

Confira como foram as chuvas nos municípios do Pajeú no mês de Janeiro

O mês de janeiro deste ano já é apontado como um dos melhores no tocante a chuva registrado nos últimos anos. Desde 2004 não se chovia tão bem na região do Pajeú e em todo o Sertão. Mas, mesmo com as últimas chuvas que vem caindo ainda não foram suficientes para acumular água o suficiente e os meteorologistas apontam para mais um ano de seca.
Da região do Pajeú, o município de Santa Cruz da Baixa Verde foi o que mais registrou chuvas no mês de janeiro. Já Tuparetama registrou o menor índice pluviométrico.
Confira na sequência as precipitações dos municípios do Pajeú no mês de Janeiro:
Santa Cruz da Baixa Verde – 273,9 mm
Triunfo – 251,7 mm
Quixaba – 211,7 mm
Brejinho – 210,4 mm
Solidão – 209,9 mm
Tabira – 184,0 mm
Santa Terezinha – 160,0 mm
Serra Talhada – 156,2 mm
São José do Egito – 148,9 mm
Itapetim – 142,5 mm
Afogados da Ingazeira – 141,5 mm
Flores – 124,4 mm
Ingazeira – 116,0 mm
Carnaíba – 112,0 mm
Iguaraci – 111,7 mm
Calumbi – 109,3 mm
Tuparetama – 82,0 mm

Nível dos reservatórios no Nordeste mais do que triplica em janeiro, diz ONS

O nível de água conversível em energia armazenada nos reservatórios da região Nordeste mais do que triplicou durante o mês de janeiro. Dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) apontam que a Energia Armazenada por Região (EAR), no Nordeste, subiu do nível de 5,15% registrado em dezembro para 17,58% no dia 31 de janeiro.
Embora a recuperação dos reservatórios seja expressiva, uma tendência já esperada para o chamado período de chuva, entre novembro e abril, a situação dos reservatórios no Nordeste ainda é preocupante.
Em janeiro de 2014, por exemplo, os reservatórios haviam terminado o primeiro mês do ano com o equivalente a 42,62% de energia armazenada. Em 2015, com o agravamento da crise hídrica, o número já havia caído para 16,41% ao final de janeiro, patamar semelhante ao registrado neste ano.
A recuperação do nível de água nos reservatórios do Nordeste reflete a situação de Sobradinho, principal reserva de água da região. O reservatório, que chegou a atingir 2,06% do volume útil no início deste mês, estava em 7,67% no dia 28 de janeiro- último dado disponibilizado pelo ONS.

OMS estuda declarar emergência mundial pelo vírus zika

 
A Organização Mundial da Saúde (OMS) avaliará nesta segunda-feira em Genebra se o vírus zika, que pode ser o responsável pela multiplicação das más-formações congênitas na América Latina, deve ser considerado uma emergência de saúde pública internacional.
Embora os sintomas do vírus transmitido pelo mosquito Aedes Aegypti sejam de escassa gravidade, surgiram indícios que o vinculam ao número excepcionalmente elevado de casos de bebês que nascem com microcefalia, particularmente no Brasil.
"Apesar de ainda não ter sido estabelecida uma relação causal entre o vírus zika e as más-formações congênitas e síndromes neurológicas, há fortes motivos para suspeitar de sua existência", afirmou na semana passada a diretora geral da OMS, Margaret Chan, ao anunciar a convocação de um Comitê de Emergência da agência da ONU.
Chan se referia a síndrome de Guillain-Barré, um problema no qual o sistema imunológico ataca o sistema nervoso, chegando a provocar paralisia em alguns casos.
O Brasil fez um alerta em outubro sobre um número elevado de nascimentos de crianças com microcefalia na região Nordeste. Atualmente há 270 casos confirmados e 3.449 em estudo, contra 147 em 2014.
O Brasil notificou em maio de 2015 o primeiro caso de doença pelo vírus zika. Desde então, "a doença se propagou no país e também em outros 22 países da região", aponta a OMS.
Com mais de 1,5 milhão de contágios desde abril, o Brasil é o país mais afetado pelo vírus, seguido pela Colômbia, que no sábado anunciou mais de 20.000 casos, 2.000 deles em mulheres grávidas.
O alerta também soou na Europa e Estados Unidos, onde o vírus foi detectado em dezenas de pessoas que viajaram ao exterior.

Moradores de zonas rurais de PE aprendem mais sobre o Projeto São Francisco‏

A Comunicação Itinerante do Projeto de Integração do Rio São Francisco levou informações atualizadas sobre a obra às comunidades rurais de Carreiro de Pedra e Maria Preta, em Cabrobó (PE), e de Lajedo, em Floresta (PE). Cerca de 40 moradores participaram das reuniões, realizadas na última semana.
A agricultora Maria Sônia de Sá compareceu à apresentação em Lajedo. “Eu gosto dessas reuniões. São muito importantes para a gente aprender as coisas”, afirmou Sônia. “É uma beleza ver a água chegando aos reservatórios. Um sonho realizado”, completou. O agricultor Adilson de Araújo tem opinião semelhante. “A água está perto. Os açudes têm água. Em breve vai ter pra gente”, acredita.
O Projeto São Francisco encontra-se em fase de testes em Cabrobó e em Floresta, com água ao longo dos canais, aquedutos e em quatro reservatórios. Três estações de bombeamento estão em operação.
Em 2016, a Comunicação Itinerante já esteve em seis comunidades rurais de Cabrobó (Represa, Sanharó, Curralinho, Ponta da Ilha, Carreiro de Pedra e Maria Preta), em duas de Floresta (Roças Velhas e Lajedo) e em uma de Salgueiro (Umãs).