PREFEITURA

xxxxxxxxxxxx

OPORTUNIDADE: ESTÁ ACONTECENDO NESTES DIAS 16, 17 E 18 UM MEGA FEIRÃO DE CARROS E MOTOS EM AFOGADOS DA INGAZEIRA

Acontece em Afogados da Ingazeira nestes dias 16, 17 e 18 um MEGA FEIRÃO DE CARROS E MOTOS novos e usados. O evento comercial que conta com preços diferenciados e taxas reduzidas está acontecendo na Rua Antônio José de Lemos em frente as lojas de Petrônio Preto Veículos, Stop Car Multimarcas e Nika Moto Car.
Você também pode conferir os veículos que estão nas principais lojas de Afogados da Ingazeira através do site http://afogadosveiculos.blogspot.com.br/  ou acessando cada uma das lojas individualmente:

PETRÔNIO PRETO VEÍCULOS:
http://petroniopretoveiculos.blogspot.com.br/
STOP CAR MULTIMARCAS:
http://stopcarafogados.blogspot.com.br/ 
NIKA MOTO CAR:
http://nikamotocar.blogspot.com.br/
PETRÔNIO BRANCO VEÍCULOS:
http://petroniobrancoveiculos.blogspot.com.br/
JBF CORRETORA DE VEÍCULOS:
http://jbfcorretoradeveiculos.blogspot.com.br/

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Cerca de 3.500 eleitores pernambucanos tiveram o título cancelado

Os eleitores que não compareceram à revisão de eleitorado para cadastramento biométrico obrigatório no prazo determinado tiveram o título de eleitor cancelado e não poderão votar nas próximas eleições. Neste caso, o eleitor deverá justificar sua ausência em qualquer seção no dia da votação para ficar quite com a Justiça Eleitoral.
Em Pernambuco, 73 municípios contarão com o sistema biométrico nas eleições municipais. Nesses municípios, cerca de 3.500 eleitores não estão cadastrados biometricamente. A regularização da situação só poderá ser feita com a reabertura do cadastro, em 7 de novembro deste ano. Quem estiver em débito com a Justiça Eleitoral fica impedido de requerer passaporte, de inscrever-se em faculdades e concursos públicos, entre outros.
Ao todo, 3.483 eleitores pernambucanos terão o título de eleitor cancelado. Desse total, 1.191 (34,2%) são eleitores da capital pernambucana e os outros 2.292 (65,8%) são dos outros 71 municípios que possuem o sistema biométrico. O município de Ingazeira, no Sertão do Estado, é o único que está com todo o eleitorado devidamente cadastrado biometricamente.
Quantitativo eleitorado
No Estado, há 6.509.982 eleitores. Desse quantitativo, 3.730.581 (57,3%) possuem o cadastro biométrico, independente de haver identificação das impressões digitais em seu município. Enquanto 2.779.401 (42,7%) eleitores pernambucanos não possuem. No Recife, está o maior eleitorado do Estado: 1.119.271 eleitores. Isso significa que apenas 0,1% (1.191) está em débito com a Justiça Eleitoral. Os outros 99,9% (1.118.080) estão quites.
Quantitativo municípios
Dos 185 municípios pernambucanos, 105 não contarão com a identificação biométrica e 5 terão um sistema híbrido – convencional e biométrico. Além dos 73 que contarão com a biometria. Para as eleições municipais, Fernando de Noronha não será considerado para as estatísticas. De acordo com o cronograma definido pelo Tribunal Superior Eleitoral, todos os municípios do País deverão estar com cadastramento biométrico concluído até 2022.
Nas cidades que não contam com o leitor biométrico acoplado à urna eletrônica, nas quais o cadastramento da biometria não é obrigatório, o voto ainda acontece por meio de assinatura no caderno de votação. Já nas localidades que contam com o sistema híbrido de votação, a verificação das impressões digitais ocorre apenas para eleitores que já possuem dados coletados.
Do NE10

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Encontro com Presidente do TJPE discutiu demandas para o Pajeú

A Juiza Daniela rocha Gomes e o promotor Lúcio Luiz de Almeida Neto estiveram em nova audiência com o Presidente do TJPE, desembargador Leopoldo de Arruda Raposo. Vários temas estiveram na pauta, segundo o promotor.
Dentre eles, a estruturação de sedes físicas no Pajeú, compreendendo os Fóruns de Tabira, Triunfo, São José do Egito e Iguaracy, a instalação de Juizado Regional de Pequenas Causas Cíveis no Pajeú, criação do Núcleo Especializado para atendimento das demandas da Vara da Infância e das outras Varas Cíveis.
Outros temas na pauta foram a Segurança do Fórum, mais servidores para Distribuição e Varas, implantação da Sala com equipamentos para realização das Audiências de Mediação e Arbitragem e das Audiências de custódia, além de discussão sobre ofício que questiona o modelo pernambucano desses procedimentos.
Ainda houve a entrega ao Presidente de um documento com demandas apresentadas pelos servidores do Fórum. A avaliação da reunião foi bastante positiva e o Desembargador comprometeu-se em analisar criteriosamente os pleitos. (Marcos Montinely)

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Globo estuda novo ‘Trapalhões’ com Didi, Dedé, Mussum e Zacarias

Depois de resgatar com sucesso os humorísticos Sai de Baixo e Escolinha do Professor Raimundo, que vai ganhar uma segunda temporada com Dani Calabresa, Lúcio Mauro Filho e outros comediantes da nova geração, a Globo agora estuda refazer um clássico dos anos 1980: Trapalhões. O programa deve contar com Renato Aragão e Manfried Sant’Anna, Didi Mocó e Dedé Santana, e pode ter novos integrantes no lugar de Mussum e Zacarias.
“Está confirmado! Só temos a certeza de Dedé e Didi no elenco, ainda não sabemos dos novos integrantes”, diz ao site de VEJA a filha de Dedé, Yasmim Sant’Anna. Yasmim, que é atriz, não deve atuar na atração. “Eu infelizmente não fui chamada, mas estou morrendo de amor com a volta desses gigantes pra telinha!”
Aos 20 anos, Yasmim dá seus primeiros passos na atuação. Ela fez uma breve participação no filme O Shaolin do Sertão, do cearense Halder Gomes, o mesmo de Cine Holliúdy (2012), que venceu o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro em 2014.
Enquanto não voltam ao ar, Aragão e Sant’Anna retomam seus personagens em outro remake: eles preparam a volta às telas de Os Saltimbancos Trapalhões, sucesso do grupo de 1981, quando arrastou nada menos que 5 milhões de pessoas aos cinemas — a nona maior bilheteria da história do cinema nacional. O novo longa, com direção de João Daniel Tikhomiroff, é previsto para 2017.
Via O Dia

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Moro deve tomar decisão sobre Lula na segunda

A denúncia formulada pela força-tarefa da Lava Jato contra Lula já se encontra com o juiz Sérgio Moro. A assessoria de imprensa da Justiça Federal paranaense informa que a decisão do magistrado deve ser divulgada na segunda-feira (19). Se acatar a denúncia dos procuradores, Lula vai ao banco dos réus. Se rejeitar, o caso descerá ao arquivo. Vai abaixo notícia veiculada pela Agência Brasil:
A denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva já está com o juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal Criminal, em Curitiba. Moro tem até cinco dias para decidir se acata a denúncia dos procuradores que integram a força-tarefa do MPF na Operação Lava Jato. A assessoria de imprensa da Justiça Federal do Paraná informou que o despacho com a decisão deverá ser publicado na próxima segunda-feira (19).
Caso a denúncia seja acolhida por Moro, Lula se tornará réu no processo, bem como os outros denunciados: a mulher do ex-presidente, Marisa Letícia da Silva; o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamoto; o ex-presidente da OAS Léo Pinheiro; e quatro pessoas ligadas à empreiteira, Agenor Franklin Magalhães Medeiros, Paulo Roberto Valente Gordilho, Fábio Hori Yonamine e Roberto Moreira Ferreira.
É a primeira vez que o ex-presidente é denunciado à Justiça Federal no âmbito da Lava Jato.
Apesar de o MPF acusar o ex-presidente de chefiar o esquema de corrupção identificado na Lava Jato, Lula não está sendo denunciado por formação de quadrilha. Os 13 procuradores da República que assinam o texto afirmam que a denúncia é por corrupção e lavagem de dinheiro.
O capítulo que trata disso ocupa mais de 40 das 149 páginas do documento. Nesse trecho, os procuradores dizem que o governo de Lula foi viável apenas por meio de “um esquema criminoso” envolvendo a compra de parlamentares com propina e distribuição de cargos públicos. De acordo com o texto, as irregularidades apontadas no mensalão e pela Lava Jato são “faces da mesma moeda” e têm como vértice o ex-presidente.
Em outras 40 páginas, os procuradores detalham as acusações direcionadas a Lula, Léo Pinheiro e Agenor Medeiros pelo crime de corrupção. Eles afirmam que o ex-presidente agiu de modo a facilitar contratos entre a Petrobras e os consórcios Conpar e Conest, dos quais a OAS fazia parte, para a realização de obras nas refinarias Repar e Rnest entre 2006 e 2012. Segundo a denúncia, o consórcio garantiu o contrato com o pagamento de propina a diversos beneficiários, inclusive o ex-presidente.
O segundo crime denunciado pelo MPF, lavagem de dinheiro, ocupa quase 50 páginas do documento e está dividido em dois momentos. O primeiro trata do triplex no Condomínio Solaris, em Guarujá, no litoral paulista. Os procuradores afirmam que o imóvel foi adquirido, reformado e decorado pela OAS em benefício de Lula e de Marisa, como compensação pela atuação do ex-presidente no esquema da Petrobras. Além de Lula e da esposa, foram denunciados nessa etapa Léo Pinheiro, Paulo Gordilho e Fábio Yonamine.
Na denúncia por lavagem de dinheiro, os procuradores afirmam também que Lula recebia vantagens indevidas da OAS por meio de um contrato para armazenagem de bens pessoais do petista. Conforme o texto, a empreiteira fez pagamentos mensais por cinco anos à empresa Granero Transportes para que esta guardasse objetos pessoais do ex-presidente, depois que ele se mudou do Palácio da Alvorada. Essa parte da denúncia também inclui Paulo Okamotto e Léo Pinheiro.
Os 13 procuradores que assinam o documento não pedem a prisão de Lula ou de qualquer outro denunciado. Deltan Dallagnol, líder da força-tarefa que produziu a denúncia, disse ontem que essa prática é um “padrão” para “não antecipar juízos ou avaliações”.
Os autores da denúncia pedem, no entanto, que o juiz Sérgio Moro ordene o ressarcimento de danos à Petrobras por parte do ex-presidente, na ordem de R$ 87,6 milhões. O texto também solicita que se implique aos denunciados a “perda, em favor da União, de todos os bens, direitos e valores relacionados, direta ou indiretamente, à prática dos crimes”.
Os procuradores indicaram, ainda, uma lista com 27 testemunhas para serem ouvidas, caso a denúncia seja acatada na Justiça Federal. (Via: Blog do Josias de Souza)

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

'Provem uma corrupção minha, que eu irei a pé para ser preso', diz Lula

Lula chorou durante coletiva
O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva disse, em pronunciamento nesta quinta-feira, 15, sobre as denúncias apresentadas contra ele pelo Ministério Público na Lava Jato, que estava fazendo uma declaração como "um cidadão indignado com as coisas que aconteceram e estão acontecendo neste País".
Antes de começar sua defesa, o Lula fez uma ironia, dizendo que não faria um show de pirotecnia como a força-tarefa da Lava Jato na quarta-feira, 14. "Não quero me comportar como um ex-presidente da República, como um cara perseguido, como se estivesse reivindicando algum favor."
Lula relembrou o histórico político dele de lutas pelos direitos dos trabalhadores no PT. Disse não ter explicação “para o espetáculo de pirotecnia” feito por procuradores do MPF. "Provem uma corrupção minha que eu irei a pé para ser preso", disse. Relembrou o momento passado por ele e familiares no dia em que a força-tarefa da Lava-Jato fez buscas na casa dele e nas residências dos filhos, em março deste ano. Na ocasião, o petista foi levado para prestar depoimento na Polícia Federal.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Idoso espancado por assaltantes na zona rural de Serra Talhada não resiste aos ferimentos e morre

Um idoso, identificado preliminarmente como “Zé de Tibúrcio, foi assassinado por volta 21h00, dessa quinta-feira (15), no Sítio Malhada do Juá, na zona rural de Serra Talhada, Sertão do Pajeú.
Segundo os primeiros relatos, o idoso foi vítima de latrocínio (roubo seguido de morte), os ladrões arrobaram a porta da residência, espancaram brutalmente a vítima e a esposa com pauladas, roubaram o dinheiro e fugiram. “Zé de Tibúrcio ainda foi socorrido para o HOSAPM, em Serra Talhada, porém não resistiu aos ferimentos e faleceu. (Luiz Carlos)

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Dessoles realiza reunião com a comunidade do Sítio Queimadas em Iguaracy

A chapa Dessoles e Luciene, candidatos a vereador, estiveram ontem(15) na comunidade Queimadas, onde era para ser uma reunião, tornou-se em um grande evento, pela grande quantidade de pessoas que estavam esperando para ouvir as propostas dos candidatos. O prefeito e candidato a reeleição Dessoles, mostrou o que fez e vem fazendo pelo povo daquele comunidade, “Iguaracy entendeu que temos uma campanha de ações e propostas verdadeiras, não é com mentiras e baixarias”, disse Dessoles. (Júnior Finfa)

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Veículo que pertencia homem assassinado em Triunfo é localizado incendiado

Policiais Militares do 14ºBPM, localizaram uma motocicleta totalmente queimada, no Sítio Mariri, zona rural do município de Santa Cruz da Baixa Verde, Sertão do Pajeú, nesta quinta-feira (15), por volta das 12h00.
A Polícia Militar informou ao portal Nayn Netto, que após denúncias anônimas à 3ª Companhia de Polícia da cidade de Triunfo, dando conta do veículo queimado e que o mesmo pertencia a José Antonio da Silva, conhecido como “Zé de Dóia”, 54 anos, assassinado na manhã da última quarta-feira (14), na Serra do Brocotó.
De posse da denuncia, o efetivo da 3ªCPM, sob o comando do Cap Nunes, se deslocou ao endereço, onde confirmaram a veracidade do fato, a motocicleta estava totalmente queimada, porém pela numeração do chassi, conseguiram identificar a placa do veículo. O Policiamento manteve contato com familiares da vítima, os quais conformaram que a motocicleta queimada foi a mesma roubada de “Zé de Dóia

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Campanha mostra redução na conta de luz se consumidor puder escolher fornecedor

Uma campanha promovida pela Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) promete ao consumidor redução significativa na conta de luz caso seja possível escolher o fornecedor da energia.
Com o mote “Energia Livre – Isso é da sua conta”, a campanha conta com site (ww.queroenergialivre.com.br) onde é possível verificar qual seria o valor da própria conta caso seja possível a portabilidade no setor.
De acordo com a Abraceel, o mercado de energia brasileiro é um dos mais restritos do mundo e mais de 1 bilhão de pessoas já tem a opção de escolher a empresa fornecedora de energia.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Ônibus que transportava eleitores de Patriota é apedrejado em Afogados pelos próprios eleitores

Na noite desta quarta feira 14, um ônibus trasportava eleitores que retornavam de um comício do prefeito candidato José Patriota (PSB) que aconteceu no Povoado de Varzinha, quando na PE 320 nas proximidades da Nova Brasília, o veiculo mostrou problemas mecânicos, descendo até as proximidades do corpo de bombeiros onde conseguiu parar.
Indignados pelo transporte de péssima qualidade, alguns eleitores resolveram descer do veiculo e seguirem a pé até o centro da cidade, haja vista a proximidade do Corpo de Bombeiros até o centro. Enquanto isso, o motorista conseguiu fazer o veiculo voltar a funcionar. Alguns passageiros eleitores que aguardavam o conserto subiram no ônibus e ao ultrapassar os eleitores que tinham decidido seguir a pé, foram surpreendidos com pedras jogadas nas janelas do ônibus, deixando estilhaços de vidros espalhados inclusive atingindo uma das eleitoras. Com medo o motorista não parou o veiculo e seguiu o percurso até o centro da cidade. A policia não foi acionada.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Projeto que criminaliza agressões contra cães e gatos é aprovado

 
 A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou, nesta terça-feira (13), projeto de lei da Câmara (PLC 39/2015) que criminaliza condutas praticadas contra cães e gatos. O relator, senador Alvaro Dias (PV-PR), apresentou parecer pela aprovação com seis emendas. A proposta será votada, em seguida, no Plenário do Senado.
Segundo destacou Alvaro Dias no parecer, o PLC 39/2015 enquadra criminalmente as condutas de matar, omitir socorro, abandonar, promover lutas e expor a perigo a vida, a saúde ou a integridade física de cães e gatos. Prevê ainda aumento de pena quando o crime for praticado com uso de veneno, fogo, asfixia, mediante reunião de mais de duas pessoas ou ainda quando acarretar a debilidade permanente no animal.
O relator observou que a Lei de Crimes Ambientais (Lei nº 9.605/1998) já tipifica como crime a prática de maus-tratos contra animais domésticos, que é punida com detenção de três meses a um ano mais multa. Como os atos de violência (morte, lesão corporal, mutilação e abuso) contra animais domésticos continuam acontecendo, ele concorda que é necessário mudar a lei penal para desestimular tais comportamentos.
Penas excessivas
Apesar de apoiar a proposta, o relator avaliou que as penas recomendadas pelo seu autor, o deputado federal Ricardo Tripoli (PSDB-SP), se mostraram “excessivas e desproporcionais” quando comparadas às penas por atos de violência contra seres humanos.
“A pena de três a cinco anos de detenção para quem mata um cão ou um gato, por exemplo, é maior do que a de quem comete homicídio culposo, lesão corporal grave, autoaborto ou aborto com consentimento. Já a pena de um a três anos de detenção para a omissão de socorro de cão ou gato, em situação de grave e iminente perigo, é seis vezes maior que a do crime de omissão de socorro previsto no artigo 135 do Código Penal”, observou Alvaro Dias em seu relatório.
Esse entendimento o levou a promover ajustes nas penas sugeridas no projeto. Uma das mudanças tratou da promoção de luta entre cães. Em vez da pena de reclusão de três a cinco anos defendida originalmente, ele recomendou reclusão de três meses a um ano.
Voto em separado
O senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) chegou a apresentar voto em separado pela rejeição do projeto, por entender que apresentava vícios de constitucionalidade e juridicidade, além de ser reprovável quanto ao mérito. No entanto, decidiu abrir mão de seu posicionamento para que a proposta pudesse continuar a tramitar.
Se o PLC 39/2015 for aprovado pelo Plenário do Senado com as alterações propostas por Alvaro Dias, terá de retornar à Câmara dos Deputados para ser votado novamente. (Congresso em Foco)

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Voto jovem representa 27% do eleitorado e pode decidir pleito, diz TSE

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que os jovens entre 16 e 29 anos representam 27% do eleitorado nacional, o que demonstra, para a Justiça Eleitoral, que o voto dessa camada da população deverá ser determinante nas eleições municipais de outubro.
Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil tem cerca de 51 milhões de jovens de 15 a 29 anos, correspondendo a um quarto da população do país. Desses, mais de 75% (38.876.290) estão aptos a votar nas eleições deste ano, segundo dados do TSE. Os jovens entre 25 e 29 anos representam 10,83% do eleitorado; de 21 a 24 anos, 8,71% e de 16 a 20 anos, 7,45%.
Para o cientista político Leonardo Barreto, especialista em comportamento eleitoral, o voto dos jovens pode ser determinante nas eleições porque, por terem mais escolaridade que as gerações anteriores, acabam por influenciar o voto das pessoas do seu círculo social, como pais e avós. Segundo Barreto, pesquisas demonstram que a rede de amizades e familiares é o fator que mais influencia na escolha dos candidatos. “Mas o jovem costuma ter um voto crítico”, diz o especialista.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

Globo paralisa gravações de Velho Chico e traz elenco de volta após tragédia

Domingos Montagner festeja o prêmio de ator revelação nos Melhores do Ano de 2011
DANIEL CASTRO e FERNANDA LOPES - Publicado em 15/09/2016, às 19h43
A direção da Globo decidiu no início da noite desta quinta-feira (15) paralisar as gravações de Velho Chico no Nordeste e no Rio de Janeiro, após a morte do protagonista da novela, Domingos Montagner, que se afogou ao mergulhar no rio São Francisco. Todo o elenco e técnicos que estavam no Nordeste foram orientados a encerrar as gravações, que iriam até o dia 18, e voltar para o Rio de Janeiro. A cúpula da emissora ainda não decidiu qual solução dramatúrgica adotará para resolver o desaparecimento de Santo, personagem de Montagner. "Não dá para pensar hoje", disse um executivo da Globo ao Notícias da TV.
A novela está a duas semanas do fim, previsto para o próximo dia 30. A Globo tem cinco capítulos de frente e vai exibi-los, até como forma de homenagem a Montagner. Os desfechos da trama a partir desses cinco capítulos ainda serão discutidos.
Com 54 anos de idade, Montagner se afogou ao mergulhar no rio na cidade de Canindé de São Francisco, por volta das 14h30 desta quinta. O corpo foi encontrado pouco antes das 18h preso a pedras, no fundo do rio, a menos de 50 metros do local do acidente.
Montagner gravou cenas de Velho Chico de manhã e estava de folga à tarde. Após almoçar, foi dar um mergulho no rio, acompanhado de Camila Pitanga. Os dois escolheram um local perigoso para se banharem, conhecido como Prainha, onde há muitas pedras e redemoinhos.
Durante o mergulho, os atores foram atingidos pela correnteza. Camila conseguiu se salvar ao se segurar em uma pedra, mas não teve como ajudar o colega, que foi levado pelas águas. Equipes da Polícia Militar, dos bombeiros e do Grupamento Tático Aéreo participaram das buscas.
Montagner começou a carreira de ator de TV tardiamente. O paulistano foi professor de educação física até entrar para o circo, nos anos 1980, onde começou a trabalhar como palhaço. Nas décadas seguintes, desenvolveu sua carreira de ator no circo e no teatro em São Paulo, onde participou de peças como À La Carte (2001) e Feia – Uma comédia circense (2006).
A estreia dele na TV aconteceu só em 2008, na série Mothern, do GNT. Dois anos depois, foi contratado pela Globo e participou das séries Força Tarefa (2010) e A Cura (2010). O primeiro papel em uma novela foi o Capitão Herculano de Cordel Encantado (2011). De lá para cá, o ator viveu o protagonista da minissérie O Brado Retumbante (2012) e fez mais duas novelas, Joia Rara (2013) e Sete Vidas (2015), até ser escolhido como o protagonista Santo, de Velho Chico. O ator era pai de três filhos.
Na própria novela, ele já havia passado por situação semelhante à de sua morte. Na trama, Santo foi vítima de um atentado, armado por Carlos Eduardo (Marcelo Serrado), e, baleado, desapareceu no rio São Francisco. Sobreviveu após ser encontrado por uma tribo indígena, ter sido curado por um pajé e resgatado por Tereza (Camila Pitanga).
É a segunda morte de um ator do elenco de Velho Chico durante o período de gravações da novela. Em abril, a produção perdeu Umberto Magnani, que interpretava o padre Romão. Ele passou mal durante uma cena, foi levado ao hospital, sofreu um acidente vascular encefálico e não resistiu. O ator tinha 75 anos.
Original: http://noticiasdatv.uol.com.br/noticia/novelas/globo-paralisa-gravacoes-de-velho-chico-e-traz-elenco-de-volta-apos-tragedia-12594#ixzz4KPzAQGoz

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...

IML confirma que Domingos Montagner morreu de asfixia por afogamento

Protagonista da novela Velho Chico morreu aos 54 anos; corpo tinha pequenos machucados
Domingos Montagner morreu aos 54 anosDivulgação/Rede Globo / Do R7
Domingos Montagner morreu de asfixia mecânica por afogamento. O laudo completo da morte do ator deve ficar pronto em uma semana. O corpo tinha pequenos machucados. As informações foram divulgadas pelo IML (Instituto Médico Legal) de Sergipe na madrugada desta sexta-feira (16).
Segundo informações do Balanço Geral Manhã, o corpo do ator permanece no IML da cidade nordestina e a expectativa é que seja liberado por meio de uma procuração, já que nenhum parente do ator deve viajar até Sergipe para a liberação do corpo.
O ator de 54 anos morreu depois de dar um mergulho no Rio São Francisco na tarde de quinta-feira (15). A atriz Camila Pitanga tentou segurar as mãos de Domingo duas vezes antes do ator afundar. Em depoimento prestado na delegacia de Canindé de São Francisco, em Sergipe, a cerca de 200 km da capital Aracajú, a atriz contou que, após finalizar as gravações da novela, ela e o ator resolveram mergulhar no rio.
Local onde Domingos Montagner se afogou no Rio São FranciscoArte sobre Google Maps
Segundo a atriz, o local estava pouco movimentado e por isso decidiram ir até uma rocha para mergulhar. Em seu esclarecimento às autoridades, Camila disse que pouco tempo depois percebeu uma forte correnteza que os puxaram. Naquele momento, ela disse que havia avisado o ator para voltar até a pedra. No entanto, Domingos já apresentava dificuldades. Camila afirmou que conseguiu chegar primeiro até as rochas e disse para o colega que ali a água estava mais calma. Ela também contou que tentou segurar as mãos de Domingos por duas vezes e que, em seguida, gritou pedindo socorro.
No depoimento, a atriz disse ainda que o motorista da produção que os levou até o local estava na rodovia e tentou pedir ajuda. Camila encerrou seu esclarecimento afirmando que o ator submergiu uma vez e que, na segunda, afundou e não voltou mais a superfície.
Ainda não há informações sobre velório e enterro.

Compartilhe: WhatsApp, Faceboock, etc...