Jovem de 15 anos morre vítima de descarga elétrica em tanquinho de lavar roupas em Serra Talhada, no Sertão do Pajeú

Lamentavelmente, uma adolescente de apenas 15 anos identificada como Geovanna Tamires Tavares de Lima Herculano, faleceu vítima de choque elétrico na manhã de ontem dia (19), por volta das 10h, no bairro Bom Jesus, em Serra Talhada. Ela sofreu um acidente doméstico, após receber uma descarga elétrica quando, segundo testemunhas, estava em um tanquinho de lavar roupas.
O Farol conversou com o Corpo de Bombeiros de Serra Talhada sobre o caso. A central de emergências informou que ao ser acionada, enviou rapidamente uma equipe ao local onde mora a vítima, na rua João Batista do Nascimento, e tentou reanimar Geovanna, que sofreu uma parada cardio-respiratória.
“Ela foi submetida a um procedimento de RCP, que é a Reanimação Cardiopulmonar, depois foi submetida ao respirador por ambu, o sistema de respiração manual, até chegar no hospital. O ambu faz a função de um pulmão artificial quando o coração para de bombear sangue e oxigênio para os outros órgãos até a chegada no hospital”, comentou um dos bombeiros ouvidos pela reportagem do Farol. Apesar de todo o esforço, Geoavanna deu entrada no Hospital Santa Marta, no Centro da cidade, já sem vida.
BOMBEIROS ORIENTAM À PREVENÇÃO
O Corpo de Bombeiros de Serra Talhada orienta às famílias a terem cuidado no manuseio doméstico de tomadas e fiações, atentando para evitar:
Não realizar atendimento e ligações por celular enquanto o aparelho estiver na tomada, devido o comprovado risco de explosão;
Realizar aterramento em ligações domésticas como internet, chuveiro elétrico, máquina de levar;
Substituir todas as tomadas da casa por plugues de 3 pinos, que evitam a ligação de equipamentos de maior potência em um ponto que não foi especialmente projetado para ele – e que poderia causar sobrecarga e problemas elétricos (choque, incêndio);
Ter cuidado sempre com fiações próximo ou dentro da água;
Ter cuidado com fiações descascadas.
Evitar estar descalço quando manusear aparelhos elétrico dentro de casa.
Via: Farol de Notícia