Confirmado primeiro caso de coronavírus em Belo Jardim no interior de Pernambuco

Pernambuco teve mais dez confirmações do novo coronavírus e chegou, nesta segunda-feira (16), a 18 casos, de acordo com o governo do estado. Por causa da pandemia, serão suspensas, a partir da quarta-feira (18), as aulas em toda a rede estadual, pública e particular, para tentar diminuir as chances de contaminação dos estudantes
A informação foi repassada durante coletiva de imprensa realizada no Palácio do Campo das Princesas, sede do Executivo estadual, no Centro do Recife, durante reunião com o secretariado. De acordo com o governador Paulo Câmara (PSB), a decisão de suspender as aulas ocorreu por haver casos suspeitos da doença Covid-19 em todas as regiões do estado.
“Desses dez novos casos confirmados, três foram de transmissão local, de pessoas que tiveram contato com infectados. Os outros foram importados, contraídos em locais fora de Pernambuco. O que chamou a atenção é que tivemos dois casos em Jaboatão dos Guararapes e em Belo Jardim [no Agreste]”, afirmou o governador.
Paulo Câmara informou, ainda, que a limpeza dos ônibus será intensificada. Mais cedo, a prefeitura de Olinda anunciou uma ação parecida, bem como a suspensão das aulas na rede municipal.
“Conversamos com as concessionárias de ônibus e vamos higienizar os coletivos ao final de cada viagem. A limpeza vai ser, praticamente, triplicada. Também vamos intensificar a limpeza dos terminais, estações e ampliar a conscientização dos passageiros sobre medidas de higiene”, declarou o governador.De acordo com o secretário de Educação de Pernambuco, Fred Amâncio, a medida afeta, ao menos, 1,1 milhão de estudantes das redes públicas estadual e municipal, nos 184 municípios e no arquipélago de Fernando de Noronha.
“Nosso planejamento inicial era fazer isso em etapas, observando a ocorrência dos casos no estado. Porém, com uma sequência de aparecimento de casos suspeitos em alguns municípios, entendemos e ouvindo a secretaria de saúde que série prudente fazer a suspensão das aulas a partir de quarta. Sabemos que essa decisão tem um impacto social enorme, porque os pais vão ter que coordenar a presença dos estudantes em casa para conter a epidemia”, afirmou.
De acordo com André Longo, secretário estadual de Saúde, há 183 notificações, com 18 confirmações, 81 descartes, 81 em investigação e três casos prováveis, que são os casos de pessoas que tiveram contato direto com quem teve exame positivo para o coronavírus.
“Tínhamos 11 casos prováveis e a maioria dos novos casos confirmados são dessas pessoas. O que levou a esse aumento de casos confirmados é a testagem, que começou a ser feita aqui em Pernambuco. Testando mais, vamos ter condição de dar resposta mais rápida e poder tomar as medidas mais rápidas das pessoas que vão precisar ser isoladas”, disse o secretário.
O secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação de Pernambuco, Marcelo Bruto, afirmou que, sobre o transporte público, também será suspenso o cadastramento de pessoas que querem receber o Vale Eletrônico Metropolitano (VEM) Idoso, para evitar pessoas do grupo de maior risco em aglomerações de pessoas.
“Temos uma comissão permanente sobre ações que vão ser tomadas. A limpeza é feita, principalmente, em porta, corrimão, assentos e todos os pontos de contato. Adicionalmente, estamos suspendendo até o final do mês o agendamento e credenciamento de idosos para o VEM. pare evitar o grupo de maior risco num ambiente de cadastramento”, explicou.
Fonte: G1-PE