Feiras livres de Jabitacá e Iguaracy estão temporariamente CANCELADAS. A medida visa evitar a propagação do coronavírus.

Países ao redor do mundo estão tomando medidas extremas para conter a propagação do novo coronavírus. Os gestores de cada cidade também tem a obrigação de fazer a sua parte e uma das principais providências indicadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é o distanciamento social.
A prática busca restringir o contato entre as pessoas por meio de várias medidas. A primeira delas, é pedir que as pessoas fiquem em casa e realizar o fechamento de órgãos como escolas e outros estabelecimentos considerados não prioritários, o que já foi feito no município de Iguaracy por determinação do prefeito Zeinha Torres.
Em Iguaracy, os atendimentos da prefeitura estão também temporariamente paralisados de modo presencial, onde foi disponibilizado os contatos de cada secretário da administração municipal para atender na medida do possível as necessidades da população.
Como o número de casos continua crescendo de forma exponencial no país e já se tem notícias de casos em nosso estado, a situação está se evoluindo para o isolamento forçado, cancelando as feiras livres e com todo mundo sendo obrigado a ficar em casa, só podendo sair para ir ao supermercado, à farmácia e outros ambientes comerciais que estão liberados a funcionar.
Alguns podem achar que são medidas exageradas, mas a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é clara: evitar totalmente aglomerações de pessoas para reduzir ao máximo possível o número de óbitos através do coronavírus.