A caminho do interior: “dois terços dos novos casos não são mais do Recife”, diz epidemiologista sobre comprovação da interiorização da covid-19 em Pernambuco.

Um levantamento da Fiocruz Pernambuco traz dados que comprovam o panorama atual de interiorização da covid-19 no Estado. A capital pernambucana, que concentrava 71% dos casos da doença no Estado no início de abril, passou a responder por apenas 34% neste mês – último período observado no trabalho feito pelo estatístico e epidemiologista Wayner Vieira, pesquisador da Fiocruz Pernambuco. O inverso aconteceu com os demais municípios, que tinham 29% dos casos de covid-19 em abril e passaram a responder este mês por 66% dos novos registros da doença no Estado.
“Dois terços dos (novos) casos não são mais da capital e 68% dos óbitos não são mais de pessoas que moram na cidade do Recife”, alerta Wayner. A análise dele foi feita com base em dados disponibilizados até o último dia 6 pela Secretaria de Saúde de Pernambuco. O estudo contemplou informações sobre moradores do Estado atendidos na rede de saúde pernambucana no período. Atendimentos a residentes em outros Estados ou países não foram incluídos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS DO GOVERNO DE IGUARACY