https://www.facebook.com/pg/saudeiguaracy/posts/?ref=page_internal

Prefeito rebate oposição e diz que a hora agora é de trabalhar pelo município.

Tenho um extenso arquivo de como encontrei o município, disse prefeito.
Acusado de querer se apropriar de uma aquisição da gestão anterior, o atual prefeito Zeinha Torres disse que na matéria (veja aqui) que foi veiculada através de sua assessoria de imprensa, deixou bem claro que o gerador já existia, mas que este tipo de acusações mentirosas não tem efeito nenhum sobre sua pessoa porque a população sabe todos os tipos de artifícios que estão sendo e serão utilizados neste ano eleitoral.
Acima o texto da assessoria de comunicação da Prefeitura
O prefeito disse que não é o momento de se fazer políticagem, que isso é coisa de desocupados e que a hora agora é de trabalhar pelo bem do povo Iguaraciense.
Texto compartilhado pela oposição no Facebook
Zeinha disse que como se sentiu caluniado em relação ao desfecho que teve a matéria sobre a ativação do gerador no hospital, iria deixar uma pergunta: "quem é o melhor administrador, aquele que compra um equipamento caro com o dinheiro público e nunca colocou para funcionar, ou aquele que pega um equipamento parado e põe para servir a população?".
O prefeito disse ainda que quando assumiu a gestão encontrou não apenas o gerador sem funcionar, mas como também órgãos públicos em péssimas condições e outros equipamentos importantes, a exemplo do trator retroescavadeira e da patrol que estavam quebrados e jogados ao relento.
Trator abandonado pela última gestão recentemente foi matéria em nosso blog a serviço da população (Veja matéria)
Segundo o prefeito Zeinha, não é só apanhar calado, e que se for o caso tem muitas coisas para mostrar da gestão passada, e que quando assumiu, mandou fazer registros fotográficos de como encontrou o município e que tem um extenso arquivo, mas o momento agora não convém este tipo de coisa, como disse, não é hora de fazer política e sim de trabalhar, "temos muito ainda o que fazer pelo desenvolvimento de Iguaracy, de Jabitacá, de Irajaí, da Caatingueira, do Picos e de todas as comunidades rurais desse nosso tão grande município, além disso estamos sofrendo com uma pandemia e temos que nos preocupar com a nossa população ao invés de ficar perdendo tempo nas redes sociais!", disse.