https://www.facebook.com/pg/saudeiguaracy/posts/?ref=page_internal

39% avaliam governo de Bolsonaro como ótimo ou bom, diz pesquisa Política da XP/Ipespe

A rodada de setembro da pesquisa XP/Ipespe mostra que, pela primeira vez desde maio de 2019, a aprovação ao presidente Jair Bolsonaro está numericamente acima de sua reprovação: são 39% os que veem o governo como ótimo ou bom (2 pontos percentuais a mais que o levantamento de agosto) e 36% os que o veem como ruim ou péssimo (1 p.p. a menos).
Este é o quinto levantamento consecutivo em que há aumento no grupo que aprova o governo e redução no que reprova.
Foram realizadas 1.000 entrevistas de abrangência nacional, entre os dias 8 e 11 de setembro. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais.
Os entrevistados voltaram a apresentar uma nota a diversas personalidades da política. Como destaque, caiu de 6,5 para 5,7 a nota atribuída a Sergio Moro e cresceu de 4,7 para 5,1 a de Bolsonaro.
Em relação à pandemia de coronavírus, foi mantida a tendência observada desde junho, com aumento da fatia da população que considera que o “pior já passou” –são 60% em setembro contra 52% em agosto. E, especificamente sobre a ação de Bolsonaro para enfrentamento à crise, foi mantida a tendência de alta nos que a consideram ótima ou boa (de 24% para 28%) e estabilidade nos que a veem como ruim ou péssima (de 50% para 49%).
REFORMAS: Os entrevistados foram questionados também sobre a reforma administrativa em discussão no Congresso. Desde novembro de 2019 –último levantamento em que a questão foi feita –cresceu o grupo favorável à flexibilização de regras sobre a estabilidade do servidor público (52% antes e 56% agora) e diminui a fatia favorável à manutenção das regras atuais (39% para 32%).